Eurostat: Mais de 900 milhões de passageiros aéreos em 2015

Eurostat: Mais de 900 milhões de passageiros aéreos em 2015

Em 2015, 918.3 milhões de passageiros viajaram no espaço aéreo da União Europeia (UE), mais 4,7% comparando com 2014 e mais 22% quando comparado com 2009. Segundo dados do Eurostat agora divulgados, durante este período o transporte aéreo tem vindo a aumentar gradualmente na UE.

Em 2015, as entradas de passageiros na UE representaram 45,2% do total de passageiros, sendo que em relação a saídas, o número ficou nos 37,2%.

No mesmo ano, um em cada quatro passageiros foram registados no Reino Unido, onde o total de passageiros registou 232 milhões de pessoas. Seguiu-se a Alemanha com 194 milhões, a Espanha com 175 milhões, a França com 141 milhões e a Itália com 128 milhões.

Os maiores crescimentos foram registados na Eslováquia com 16,3%, a Roménia com 15,3%, a Hungria com mais 13%, a Polónia com 12,4%, a Irlanda com 12,3%, a Lituânia com 11,3% e Portugal com 10,6%.

Em contraste, os menores crescimentos registaram-se na Bulgária, com apenas 1,2%, a Áustria, com 1,4% e a Finlândia com 1,8%.

No geral, o número de passageiros aumentou 4,7% em relação a 2014, com espacial destaque para os voos que deram entrada na UE, com mais 7,3% comparado com o ano anterior.

Por outro lado, o aeroporto de Heathrow, em Londres foi o mais movimentado com cerca de 75 milhões de passageiros. Na lista seguiu-se o aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, o Main, em Frankfurt, o Schiphol de Amesterdão, o aeroporto de Barajas em Madrid e o aeroporto de Munique. O aeroporto de Lisboa aparece no fim da lista com um crescimento do tráfego em cerca de 10,8 face a 2014.
Para além disso, os dados revelam ainda que no território europeu em 2015, 155 pessoas faleceram em acidentes aéreos. Desde 2009, os dados apontam que 211 pessoas faleceram.