Grupo IHG celebra 2016 junto de clientes e antecipa o ano de 2017

Grupo IHG celebra 2016 junto de clientes e antecipa o ano de 2017

O Intercontinental Lisbon, juntamente com o InterContinental Estoril, o Crowne Plaza Porto, e o InterContinental Porto – Palácio das Cardosas realizaram no passado dia 30 janeiro, um evento dirigido a agências de viagens e clientes corporativos.

Como forma de dar a conhecer os quatro hotéis da cadeia do Grupo InterContinental (IHG) em Portugal, a “Red Carpet Party” teve como principal finalidade “convidar os melhores clientes e melhores parceiros dos hotéis”, numa forma de agradecimento “ao apoio que deram ao longo de 2016”.

Ricardo Gomes, Diretor Comercial e de Marketing do grupo IHG, em declarações à Ambitur.pt referiu ainda que esta festa serviu também para o lançamento do ano de 2017, que esperam “ser um ano de muito crescimento para os quatro hotéis”.

Com um total de “quase 200 pessoas” reunidas, o evento contou com áreas distintas de entretenimento, onde os convidados foram recebidos ao som de um saxofonista e tiveram ao seu dispor maquilhadores profissionais, photobooth arriving, música ao vivo, cocktails e canapés variados. Durante a festa foram ainda sorteadas  “10 estadias de duas noites cada  válidas para a cadeia por toda a Europa”. 

Além disso, o responsável afirmou ainda a vontade de continuarem a realizar esta iniciativa. “Tínhamos feito o evento há cerca de dois anos em 2015, mas foi um evento mais virado para o trade e fizemos outro mais virado para o corporate. A ideia é fazer este evento anualmente, dentro sempre da mesma dinâmica, com os quatros hotéis, para mostrarmos a dinâmica do grupo Intercontinental em Portugal”.

Por fim, e questionado sobre eventuais novidades nos hotéis do grupo, Ricardo Gomes destacou o “início dos trabalhos de remodelação no lobby” no Crowne Plaza no Porto e ainda a renovação dos quartos que irá ter início em novembro no InterContinental Lisbon. Para esta última unidade, o projeto “vai durar cerca de 12 meses”, numa “renovação gradual”, que não obrigará ao encerramento do hotel.