Madeira e Açores abrangidos pelas novas tarifas ‘low cost’ da TAP

Madeira e Açores abrangidos pelas novas tarifas ‘low cost’ da TAP

Categoria Business, Transportes

A TAP esclareceu hoje que as novas tarifas baixas, em vigor desde 1 de setembro, estão disponíveis em todos os aeroportos portugueses onde a companhia opera, nomeadamente, na Madeira e Açores.

“Face a alguns comentários e opiniões manifestados no espaço público, a TAP esclarece que as novas tarifas baixas estão, desde a sua entrada em vigor, disponíveis à partida de todos os aeroportos portugueses onde a TAP opera, nomeadamente, na Madeira e Açores, onde os clientes da TAP também beneficiam da redução generalizada dos preços”, esclareceu a transportadora aérea numa nota enviada à Lusa.

O esclarecimento da companhia surge depois de, na quinta-feira, a TAP ter avançado com uma nova política comercial, passando a concorrer com as companhias ‘low cost’, ao aplicar uma redução média de 34% ao nível das tarifas mais baixas.

Com uma redução média de 34% no nível tarifário mais baixo – Discount – desde o dia 1 de setembro a companhia oferece preços a partir de 32 euros por percurso, já com taxas incluídas, para destinos na Europa e no Norte de África (Argélia e Marrocos), para viagens a partir de 1 de outubro.

Hoje, a TAP vem clarificar que “é também possível voar da Terceira, nos Açores, para Lisboa, por 29 euros por percurso ou 62 euros ida-e-volta, com todas as taxas incluídas”.

Também de Ponta Delgada para Lisboa, existem voos da TAP por 35 euros por percurso ou de 68 euros ida e volta, uma diferença que a companhia justifica “com as diferentes taxas aeroportuárias praticadas pelas infraestruturas”.

Já na Madeira, os voos Funchal – Lisboa podem custar 42 euros por percurso ou 75 euros ida e volta.

Quem pretender voar entre o Porto e Lisboa, o bilhete está disponível desde 29 euros por percurso, segundo a empresa.