Número recorde de passageiros aéreos na UE atingiu quase um bilião em 2016

Número recorde de passageiros aéreos na UE atingiu quase um bilião em 2016

Em 2016, 972.7 milhões de passageiros viajaram pelo ar na União Europeia, mais 5,9% comparado com 2015 e mais 29,1% face a 2009, revela o Eurostat. Neste período, o transporte de passageiros aéreos aumentou firmemente na UE. No ano passado, o transporte dentro da UE representou quase metade (47%)do transporte de passageiros aéreos na UE e o transporte fora da UE mais de um terço (35,6%), enquanto o transporte nacional representou menos de um em cada cinco passageiros (17,3%).

Em 2016, registou-se o mais elevado número de passageiros aéreos no Reino Unido, onde o total de transporte de passageiros aéreos atingiu os 249 milhões. Seguiu-se a Alemanha (201 milhões), Espanha (194 milhões), França (145 milhões) e Itália (135 milhões).

O número de passageiros aéreos transportados em 2016 subiu em todos os Estados Membros relativamente a 2015, exceto na Bélgica (-2,7%) e Eslovénia (-2,2%). Os maiores aumentos registaram-se na Bulgária (+22,5%), Roménia (+20,5%) e Chipre (+18,1%), à frente da Hungria (+14,1%), Croácia (+13,8%), Portugal (+13,7%), Lituânia (+13,3%) e Luxemburgo (+12,5%).

Entre o TOP 5 dos Estados Membros em termos de passageiros aéreos transportados em 2016, os maiores crescimentos registaram-se em Espanha (+11%) e Reino Unido (+7,1%). Globalmente na UE, o número de passageiros aéreos subiu em 54.4 milhões (+5,9%) entre 2015 e 2016, notavelmente impulsionado pelo aumento do transporte dentro da UE (+10,2%).

Londres/ Heathrow permaneceu o aeroporto de passageiros mais movimentado da UE em 2016, com 75.7 milhões de passageiros, ligeiramente acima (+1%) quando comparado com 2015. PAris/ Charles de Gaulle (65.8 milhões, +0,3%), Amesterdão/ Schiphol (63.6 milhões, +9,3%), Frankfurt/ Main (60.7 milhões, -0,4%) e Madrid/ Barajas (49.2 milhões, +6,2%) completam o TOP 5 dos aeroportos mais movimentados da UE. Seguem-se de Barcelona/ El Prat (43.8 milhões, +11%), London/ Gatwick (43.1 milhões, +7,2%), Munique (42.2 milhões, +3,2%) e Roma/ Fiumicino (41.6 milhões, +3,3%). Cada um dos 30 principais aeroportos da UE registou um crescimento no número de passageiros em 2016, exceto Bruxelas/ National (-6,4%) e Frankfurt/ Main (-0.4%). As maiores subidas neste TOP 30 registaram-se em London/ Luton (+19,4%), Málaga/ Costa del Sol (+15,7%) e Varsóvia/ Chopina (+14,5%), à frente de Lisboa (+11,7%), Dublin (+11,2%), Barcelona/ Prat (+11%), Manchester (+10,9%), Athinai/ Eleftherios Venizelos e Palma de Maiorca (ambos +10,6%).

Tal como em 2015, London/ Heathrow (44.8 milhões) movimentou em 2016 a maioria dos passageiros em transporte fora da UE e Amesterdão/ Schiphol (37.9 milhões) a maioria do transporte dentro da UE, enquanto Paris/ Orly e Madrid/ Bajaras (ambos 14.1 milhões) lideraram o transporte nacional.