Palmela regista procura superior a 16% face a 2016

Palmela regista procura superior a 16% face a 2016

Categoria Destinos, Explore

Com uma forte agenda de eventos culturais e desportivos e um património que se estende desde o Parque Natural da Arrábida, candidata a Reserva da Biosfera da UNESCO, até às terras de produção vitivinícola, em Fernando Pó, o Município de Palmela tem vindo a consagrar-se, no seio da Área Metropolitana de Lisboa, como um destino turístico em franco crescimento.

Se 2016 já tinha sido um ano de forte procura face a 2015, o ano de 2017 mantém a trajetória de crescimento, com um aumento de 25% de estrangeiros, só no primeiro semestre, segundo dados da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa. O top das principais nacionalidades estrangeiras que visitaram Palmela neste período conta com Suécia, Espanha, Holanda, Reino Unido e Dinamarca.O mercado nacional continua estável, com um número aproximado de 11.500 dormidas de portugueses, nos primeiros seis meses do ano.

Estes indicadores são, segundo a autarquia, “o resultado de uma estratégia de desenvolvimento turístico”, que assenta na estruturação “de produtos com qualidade, nomeadamente, nos eixos de enoturismo, turismo cultural, desportivo e de natureza, no reforço dos elementos de identidade do território e numa dinâmica crescente de trabalho em parceria, com agentes locais, regionais, nacionais e internacionais”.