Pousada de Lisboa recebeu mais de 90 mil hóspedes no primeiro ano

Pousada de Lisboa recebeu mais de 90 mil hóspedes no primeiro ano

Categoria Alojamento, Business

No dia 30 de agosto de 2016, o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa visitou a Pousada de Lisboa, em companhia do Presidente do Grupo Pestana e respetiva Administração, no âmbito da comemoração do primeiro aniversário da sua atividade.

A visita juntou ainda autores e responsáveis pelas peças de arte expostas na Pousada, que é dotada de um vasto e rico conjunto de bens patrimoniais móveis, de entre os quais se destacam as esculturas de Leopoldo de Almeida, Simões de Almeida, Raul Lino e Manuel Patinha, assim como as cerâmicas de Maria Valente, todos pertencentes ao espólio do Museu de Lisboa e cedidos pela Câmara Municipal de Lisboa bem como as pinturas de Nadir Afonso, cedidas pela respetiva Fundação e ainda o mobiliário da coleção das Pousadas de Portugal.

A Pousada de Lisboa situa-se na Praça do Comércio, em pleno centro histórico da Capital, num imóvel de grande relevância patrimonial, no local da muralha dionisina e enquadrada pelo Plano da Baixa Pombalina, tendo sido objeto de uma significativa intervenção que se insere na estratégia de requalificação e revitalização urbanística da cidade e da sua zona ribeirinha. Esta intervenção realizada pelo Grupo Pestana proporcionou a mudança de utilização do edifício, agora transformada numa unidade hoteleira de referência internacional (e nacional).

Neste primeiro ano de actividade, a Pousada de Lisboa foi visitada por mais de 90 mil hóspedes, na sua grande maioria estrangeiros e foi distinguida a nível internacional pela conceituada editora americana Condé Nast, com o prémio “Melhor Pequeno e Exclusivo Novo Hotel”. Foi ainda reconhecida a nível nacional, com distinções referentes ao trabalho de reabilitação urbana atribuídas pela Vida Imobiliária e pelo Magazine Imobiliário.