Restauração e alojamento atingem máximo histórico de empregabilidade

Restauração e alojamento atingem máximo histórico de empregabilidade

De acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística, os setores da restauração e bebidas e do alojamento registaram 338,7 mil postos de trabalho no final do segundo trimestre de 2017, representando a variação homóloga positiva mais elevada de sempre, +19,7% (+55.800 novos postos de trabalho).

Estes novos 55 800 postos de trabalho representaram 35,3% do total de novo emprego criado no segundo trimestre. O setor da restauração criou, por si só, 40 mil novos postos de trabalho (+18%) e o setor do alojamento mais 15.800 (+26,2%).

O segundo trimestre registou um novo máximo histórico na empregabilidade do Canal HORECA, com 338 700 postos de trabalho, quando no período homólogo se registaram 282.900. As expetativas apontam para que o terceiro trimestre, correspondente à época alta, registe um novo máximo histórico.

*Foto de Reuters