The Yeatman promove leilão solidário de obras de arte

The Yeatman promove leilão solidário de obras de arte

O The Yeatman irá promover uma exposição e leilão solidário de cerca de 60 peças de arte, entre cerâmicas, pinturas e esculturas, doadas por 52 personalidades ligadas à arte e à cultura. Entre as peças há ainda curiosidades, como uma camisola do Real Madrid de Cristiano Ronaldo, doada pelo craque português. O objetivo é angariar fundos para a Associação Casa do Caminho, instituição que acolhe crianças em risco.

O evento “Arte para a Casa do Caminho – Exposição e Leilão Solidário de Obras de Arte” irá acontecer no dia 15 de setembro às 18h30, sendo que o leilão decorre entre as 19h30 e as 22h00. Tanto a exposição como o leilão são abertos a todos os interessados, sendo obrigatória pré-reserva através do site de eventos do hotel.

A coleção inclui peças de artistas nacionais e internacionais, entre os quais Siza Vieira, Acácio Carvalho, Armando Alves, Artur Moreira, Carlos Marques, Fernanda Lage e Zulmiro de Carvalho.

Segundo Jan-Erik Ringertz, diretor do hotel, “o The Yeatman teve desde sempre uma forte ligação à arte e à cultura. Para além do acervo de obras que estão distribuídas pelos espaços do hotel, temos vindo a acolher várias exposições de arte temporárias. Este evento é especial, não apenas pela singularidade das peças em exposição, mas sobretudo pela vertente solidária. É uma oportunidade de conhecer o trabalho destes talentosos artistas nacionais e internacionais, adquirir as suas obras e ainda contribuir para uma boa causa”.

A Casa do Caminho é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, localizada em Matosinhos, que acolhe temporariamente crianças vítimas de maus tratos, negligência ou quaisquer outras formas de violação do desenvolvimento ou dos direitos dos mais novos. Dos 0 aos 6 anos, 60 crianças estão entregues 24 horas por dia aos cuidados de profissionais especializados, com capacidades técnicas e operacionais específicas, que tentam diariamente tornar o ambiente da instituição o mais familiar possível até ao encaminhamento das crianças para uma de três situações: adoção, tutela ou reequilíbrio da situação familiar.