Volta à Imprensa: “Receitas do turismo superam mil milhões por mês desde Março”

Volta à Imprensa: “Receitas do turismo superam mil milhões por mês desde Março”

Negócios

“Tap volta a voar para Bissau”

 

“PR promulga transporte flexível”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa promulgou na sexta-feira o decreto-lei que estabelece as regras específicas aplicáveis à prestação de serviço público de transporte de passageiros flexível. Na nota publicada esta segunda-feira, no site da Presidência, é referido que “apesar do diploma suscitar alguns problemas, o interesse social evocado justifica que o Presidente da República tenha promulgado o decreto-lei”.

 

“Restaurantes com estrelas Michelin estudam Lisboa”

O proprietário de dois restaurantes icónicos em Londres – o Coq d’Argent e o Quaglino’s – está a planear a abertura de um estabelecimento em Lisboa. A notícia foi avançada pelo The Telegraph, citando Des Gunewardena, o CEO da D&D Londres. Além da ideia de implantar um restaurante na capital portuguesa – que Des Gunewardena admite estar ainda numa fase muito embrionária – a empresa espera inaugurar em breve um espaço em Amesterdão.

 

Jornal de Notícias

“Atravessar o rio a um euro por minuto”

Um euro por minuto é quanto vai custar a viagem entre as duas ribeiras de Porto e Gaia a bordo das rabelas. Três euros por cada percurso de 240 metros, outro tanto caso se queira fazer o regresso ao ponto de partida. Duas embarcações devem começar a operar no início de setembro, visto que já só falta colocar os ancoradouros. O serviço Douro River Taxi é vocacionado para turistas. A ligação entre margens será muito rápida, cerca de três minutos. Em Janeiro deste ano, as previsões do grupo Fladgate Partnership apontavam para o início das operações na Páscoa, mas só na quinta-feira é que foi concedido o licenciamento da parte da Administração dos Portos do Douro e Leixões.

 

“Porto. Dormidas aumentaram 20% em junho”

 

“PSD engrossa críticas à CP pelo «mau serviço» no Douro”

Os deputados do PSD eleitos pelo círculo de Vila Real juntaram ontem a sua voz à indignação manifestada, no sábado, por três empresas que operam com cruzeiros turísticos no rio Douro. A Barcadouro, a Rota Ouro do Douro e a Tomaz do Douro emitiram um comunicado conjunto a acusar a CP – Comboios de Portugal por prestar um “mau serviço na Linha do Douro”, considerando que está a “prejudicar o turismo”.

 

“Descida ao mundos dos naufrágios”

Ao largo da costa portuguesa encontram-se dezenas de embarcações afundadas em diferentes épocas: rebocadores, cargueiros, navios militares, arrastadeiras e até submarinos. Um paraíso para o mergulho recreativo, modalidade que tem atraído cada vez mais adeptos em Portugal e no Mundo. A meia dúzia de escolas e centros de mergulho que existia em Portugal, no início dos anos 1990, cresceu para cerca de 200 atualmente, muito graças ao influxo do turismo.

 

Correio da Manhã

“Nova avaria em avião da Everjets”

Cerca de 150 passageiros ficaram retidos no Aeroporto Sá Carneiro (Porto) devido a uma avaria no avião da empresa Everjets, que os ia transportar no domingo para Cabo Verde.

 

“Turismo cresce no Alentejo”

 

i

“Precariedade na Uber e nos Tuk Tuk preocupa autoridades”

O combate à precariedade é uma das principais prioridades da Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT), e existe atualmente um setor que tem dado muitas dores de cabeça: o dos transportes. Principalmente, por causa do aparecimento da plataforma Uber e dos Tuk Tuk.

 

“TAP reforça África”

 

Público

“PSD quer esclarecimento sobre queixas de «mau serviço» da CP no Douro”

 

“Receitas do turismo superam mil milhões por mês desde Março”

As receitas turísticas atingidas num único mês em Portugal já ultrapassaram a fasquia dos mil milhões de euros, um resultado que nunca antes tinha sido alcançado. Desde Março que o Banco de Portugal tem vindo a precisar de quatro dígitos para apontar os proveitos do setor: 1019 milhões de euros nesse mês, 1013 milhões em Abril, 1023 em Maio e 1029 em Junho. Pode dizer-se que a «época alta» começou relativamente cedo este ano, com o arranque das férias da Páscoa, que em 2016 foram em Março. E o ritmo de crescimento da atividade turística tem-se mantido desde então.

 

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo citação de informações.