Volta Int: “Acordo mundial para a redução de emissões de CO2 na aviação”

Volta Int: “Acordo mundial para a redução de emissões de CO2 na aviação”

Hosteltur- www.hosteltur.com

“easyJet prevê a sua primeira queda de benefícios em sete anos”

A easyJet já advertiu para a debilidade da moeda inglesa que terá um impacto negativo de 90 milhões de libras esterlinas no seu funcionamento, o que altera a sua previsão anterior. O resultado é mais do dobro da estimativa de 40 milhões de libras, feita em julho. Os factores externos como o Brexit e os atentados terroristas pesaram sobretudo sobre o rendimento, já que foi necessário baixar as tarifas de forma a estimular a procura.

“Acordo mundial para a redução de emissões de CO2 na aviação”

A Organização da Aviação Civil Internacional (OACI) conseguiu que a maioria dos países membros, entre eles Espanha, alcance um primeiro “Acordo Internacional para a Redução de Emissões de CO2 na Aviação”. Em termos gerais, o acordo supõe o limite no crescimento de emissõpes na aviação mundial a partir de 2020, o que converte o transporte aéreo no primeiro setor a comprometer-se na luta contra as alterações clim+áticas,.

 

Panrotas – www.panrotas.com.br

“Ryanair contratará mais 2 mil comissários de bordo e 1,3 mil pilotos”

A Ryanair anunciou que irá contratar dois mil comissários de bordo e 1,3 mil pilotos no ano de 2017, decorrente do acréscimo de 50 novos aviões que irão chegar ao longo dos próximos 12 meses. As oportunidades de contratação serão válidas para 84 bases operacionais da Europa, sendo que também envolvem a contratação de 300 copilotos, 250 engenheiros e mecânicos aeronáuticos, para além da promoção de mais de 300 primeiros-oficiais. Novas vagas também serão criadas nas áreas de TI, Marketing e Vendas, Experiência Digital, Finanças e Comercial no escritório da Ryanair em Dublin e na sua subsidiária Travel Labs Poland, em Breslávia, na Polônia.

 

Mercado e Eventos – www.mercadoeeventos.com.br

“Em tempo de crises, a OMT destaca a resiliência, as questões de segurança e a dinâmica regional do turismo internacional”

A Organização Mundial do Turismo (OMT) acaba de publicar resultados positivos do primeiro semestre, com um crescimento face a 2016 de 4%, contabilizando mais de 540 milhões de turistas. Face a estes números, o secretário-geral da Organização, Taleb Rifai, destacou a “resiliência da economia turística, que continua a criar milhões de empregos em tempos de crise, interligando pessoas de todas origens em tempos de guerra e de insegurança.” Os maiores crescimentos, com cerca de 9%, foram registrados na Ásia e no Pacífico.

“Grupo Lufthansa terá voos extra no inverno do Hemisfério Norte”

Durante o próximo inverno, as empresas aéreas do Grupo Lufthansa – Austrian Airlines, Brussels Airlines, Eurowings, Lufthansa e Swiss International Air Lines – terá voos extras. Na programação serão 19.838 voos por semana, ligando 255 destinos em 101 países através dos centros de distribuição da companhia em Frankfurt, Munique, Zurique, Viena e Bruxelas. Estes serão complementados por mais de 18 mil voos codeshare com cerca de 30 empresas aéreas parceiras.

 

Brasilturis – www.brasilturis.com.br

“KLM inicia testes com inteligência artificial para atendimento a clientes”

A KLM – Royal Dutch Airlines, deu mais um passo de forma a renovar o seu atendimento a clientes pelas redes sociais, desta vez com testes de Inteligência Artificial que respondem às dúvidas dos consumidores. Ao receber uma pergunta pelas redes sociais, o funcionário da companhia recebe automaticamente uma sugestão de resposta por meio de sistema de inteligência artificial, composto por mais de 60 mil questões e respostas relacionadas à KLM.

 

Travel Daily News – www.traveldailynews.com

“Crescimento de passageiros abrandou em Agosto”

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (AITA) anunciou que a procura e o número de passageiros em agosto caiu 4,6% comparado com o mesmo período do ano anterior. Estes dados representam uma desaceleração face ao aumento de 6,4% registado em julho, sendo que a taxa de ocupação também acompanhou a tendência de 0,9 pontos percentuais.

 

TTG Digital – www.ttgdigital.com

“Grécia observa impulso no número de visitantes do Reino Unido”

O país que durante este último ano registou uma grande cobertura mediática com a crise dos refugiados, viu um aumento de 5,5% em turistas, face ao mesmo período de 2015. De acordo com dados do Banco da Grécia, entre janeiro e julho deste ano, 1,4 milhões de britânicos visitaram o país. Para além disso, em julho a Grécia registou 4,7 milhões de visitantes estrangeiros, traduzindo-se num aumento de 6% face ao ano anterior.