26º aniversário Ambitur – Onde nos leva o turismo… por Gonçalo Rebelo de Almeida

26º aniversário Ambitur – Onde nos leva o turismo… por Gonçalo Rebelo de Almeida

Categoria Follow Us, Inside

“Passa a palavra” foi o desafio que a Ambitur colocou a profissionais do setor, e não só. Na edição que marca o seu 26º aniversário lançámos, inicialmente, um repto a três profissionais turísticos – Gonçalo Rebelo de Almeida, da Vila Galé, Nuno Mateus, da Solférias, e Frederico Costa, do Grupo Pestana Pousadas – para comentarem os desafios que o turismo nacional tem pela frente, mas também os incumbimos de indicar quem deveria ser submetido a igual exercício seguidamente. O organograma indica-nos quem deu a palavra a quem, sendo que Miguel Quintas e Paula Oliveira, os colunistas residentes de Ambitur, juntaram-se ao trabalho por indicação nossa.

Hoje publicamos o repto deixado por Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador da Vila Galé Hotéis:
“Existem três grandes eixos que me parecem essenciais para garantir o desenvolvimento e crescimento do turismo nos próximos anos, objetivos esses que deverão ser desenvolvidos por entidades públicas e privadas:
1) Produto
•Garantir a existência em cada região/cidade de boas infra-estruturas: Espaços verdes, zonas de animação, conservação de edifícios, hospitais e serviços de saúde, vias de acesso e sinalética;
•Desenvolver alguns produtos de nicho como sejam: Turismo de natureza, enoturismo, turismo equestre, turismo ativo
•Manter atualizados conteúdos de texto, foto e vídeo em diferentes plataformas digitais (sites, app, redes sociais) de modo a garantir o fácil acesso à informação do produto por parte dos consumidores;
•Desenvolver juntamente com os DMC e operadores nacionais circuitos turísticos que permitam o desenvolvimento das regiões do interior em combinação com os principais destinos, nomeadamente a região centro e Alentejo;
•Redução de custos administrativos, burocráticos e energéticos de modo a canalizar o investimento para a promoção e melhoramento do produto
2) Promoção
•Manter uma aposta de comunicação e promoção nos principais mercados emissores europeus e Brasil, através de publicidade online e offline junto dos consumidores finais divulgando o país e os seus produtos principais e estabelecer parcerias estratégicas com os principais canais de distribuição (operadores e agências online e offline)
•Garantir a existência de ligações aéreas ponto a ponto para os principais aeroportos nacionais;
•Desenvolver 2 novos mercados em parceria com o transporte aéreo e canais de distribuição: EUA e China;
•Manter a aposta no modelo de convite de decisores, lideres de opinião e imprensa a conhecer o produto e o destino, como instrumento essencial de comunicação
3) Recursos humanos
•Reforçar as ações de formação técnicas e comportamentais dos colaboradores do setor
•Desenvolver planos de carreira e incentivos aliciantes para as novas gerações
•Valorização dos profissionais e carreiras do setor
•Otimizar e digitalizar processos administrativos e de backoffice e reconverter as funções para a prestação de serviços e atendimento ao cliente.”