5 cidades europeias para a última escapadinha de Verão

by Inês Gromicho | 12 Agosto 2019 11:52

Todos temos aquele desejo de última hora, de passar uns dias longe da rotina diária. A momondo, motor de busca de viagens, hotéis e carros de aluguer, apresenta o top 5 dos destinos mais acessíveis para escapadinhas na Europa, que reúnem as características necessárias para recarregar baterias.

O único requisito indispensável é que o fim-de-semana seja prolongado. Por isso, aproveite o feriado de 15 de agosto junto do fim-de-semana e, entre cultura ou diversão noturna, escolha um dos destinos que a momondo sugere para uma espadinha de última hora. Não se esqueça que os planos podem ser feitos para aproveitar todos os momentos livres, por muito curtos que pareçam.

Madrid
A primeira cidade deste top é Madrid, a vizinha do lado e aquela que ficará mais em conta na pesquisa de voos. Três dias são suficientes para visitar um pouco de tudo na capital de nuestros hermanos. O plano não dá dores de cabeça, basta reunir alguns sítios obrigatórios e as ruas da cidade encarregam-se do resto. Os museus do Prado e da Reina Sofia devem constar na to do list desta escapadinha e depois é seguir a pé pelas ruas típicas da capital espanhola, à procura das melhores tapas que tanto caracterizam a gastronomia madrilena. Se quiser encontrar a multiculturalidade que vive em Madrid, não deixe de passar pelo bairro de Lavapiès, ideal para percorrer a pé fora dos típicos planos turísticos.

Dublin
Por outro lado, a cidade acolhedora de Dublin, na Irlanda, combina caminhos cheios de história e muita animação em qualquer altura do ano. É uma das cidades mais antigas da Europa e isso confere-lhe uma atenção redobrada no que diz respeito aos museus e às capelas a visitar. O General Post Office é um dos locais mais marcantes para a história da cidade, pois é a central de correios que se ergue num edifício com mais de 100 anos. A Christ Church é também um dos destaques de Dublin, por ser uma imponente obra arquitetónica, considerada o coração espiritual da cidade.

Barcelona
Também aqui ao lado, destaque para a mistura de estilos em Barcelona, o que a torna numa das cidades mais atraentes e confere-lhe uma vasta oferta na altura de escolher onde ir. Edifícios antigos e obras futuristas podem tornar o dia mais interessante. Apesar de alguns edifícios vanguardistas, são as histórias mais antigas que se tornam obrigatórias para visitar, como o Park Güell e a igreja da Sagrada Família – ambos os projetos do artista Antoni Gaudí, reconhecido a nível mundial como um dos mais icónicos do século XIX. A obra inacabada da Sagrada Família é digna de visita, pela dimensão e características que se destacam na paisagem da cidade. Já o Park Güell deve ser deixado para a parte da tarde, pois a sua localização nas colinas de Collserola permite contemplar um maravilhoso pôr-do-sol ao final do dia. Por outro lado, se procura algo que não encontrará nos planos de qualquer turista, vá até aos Jardins do Palácio de Pedralbes, ótimo para relaxar, e passe a pé pelo bairro gótico e explore os bares e pequenas galerias que aí existem.

Londres
A oferta de Londres é mais que muita, para todos os gostos e todas as carteiras. Dos sítios mais previsíveis, mas igualmente obrigatórios, aos mais alternativos, são muitas as possibilidades. Se a opção passa por conhecer mais acerca da história do país, a residência oficial da Família Real Britânica, localizada em Westminster, é o local ideal a ir no verão (a única altura do ano que se pode visitar), com fabulosos jardins e pormenores típicos da cultura do país, como o render da guarda real. Para passar o rio Tamisa são inúmeras as pontes disponíveis, cada uma com a sua arte, acaba por se usufruir da paisagem ao mesmo tempo que se contemplam obras reconhecidas mundialmente, como a Tower Bridge e a Millennium Bridge. Os mercados alternativos da cidade são uma das principais atrações, com ofertas desde roupas vintage a comidas típicas de todo o mundo.

Paris
No centro da Europa, Paris, a cidade luz, é uma das mais recomendadas para apaixonados e está também no top da momondo para escapadinhas. Andar nas suas ruas e avenidas intermináveis faz-nos viver a cidade como os locais, com a famosa baguete e o jornal debaixo do braço. Desde os bonitos Champs de Mars, onde se pode comer um crepe num quiosque e ficar apenas a contemplar, ao Jardim das Tulherias, onde é possível passar um dia inteiro e aproveitar para ver de perto milhares de obras de arte dos mais famosos artistas num dos mais conhecidos museus do mundo. A famosa Avenida dos Champs-Élysées, que culmina no Arco do Triunfo, oferece um ampla vista sobre edifícios magníficos e uma vasta oferta de lojas.

Source URL: https://www.ambitur.pt/5-cidades-europeias-para-a-ultima-escapadinha-de-verao/