95% do espaço da BTL 2018 vendido

95% do espaço da BTL 2018 vendido

A organização da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) informou hoje, durante um encontro com a imprensa, que cerca de 95% do espaço global da feira já se encontra comercializado, pelo que se mostra disponível a repensar a distribuição do próximo ano. A BTL, a maior feira de turismo em Portugal, vai regressar à Feira Internacional de Lisboa (FIL), no Parque das Nações, de 28 de fevereiro a 4 de março, para a sua 30ª edição.

A equipa responsável pela BTL continua a receber vários pedidos de participação na feira, apesar do baixo percentual de espaço livre, lembrando que existe alguma disponibilidade no pavilhão 3. Ainda assim, na reunião de adjudicação, a organização adianta que “as empresas ficaram muito satisfeitas” com os espaços que lhes foram atribuídos.

O número de pavilhões mantém-se em quatro. Vão estar presentes desde entidades regionais de turismo, municípios, empresas ligadas à hotelaria, restauração, distribuição, equipamentos e animação turística a operadores turísticos e agentes de viagens.

Embora assegurem que existem ainda várias ideias em pipeline, as alterações no espaço são mais evidentes no Pavilhão Multiusos. Para além do lounge dos hosted buyers, vai estar a decorrer a 2ª edição da BTL Village, uma zona exclusiva de networking onde as empresas, com ou sem stand na feira, podem reunir com os seus clientes. À semelhança da edição anterior, vão estar disponíveis 15 mesas de 10 lugares cada, para as quais a organização admite já ter “muita procura por parte das empresas que estiveram o ano passado e outras novas”.

Já o II Fórum de Empregabilidade e a temática da gastronomia vão estar reunidos no Pavilhão 2. Por sua vez, o Centro de Portugal será chamado a cumprir um desafio, hoje lançado pela organização, de pensar na oferta gastronómica da feira, dedicada ao destino.

Também presente na ocasião, Fátima Vila Maior, diretora de feiras da FIL e responsável pela BTL, revelou ainda aos jornalistas que a feira passará a ter um espaço piloto dedicado ao segmento de negócios, para o qual pretendem trazer 10 a 15 compradores internacionais no âmbito do programa de hosted buyers, organizado pela BTL em parceria com o Turismo de Portugal e a TAP Air Portugal. Para tal, selecionaram alguns dos mercados mais tradicionais: Estados Unidos, Reino Unido, França, Alemanha e Brasil.

A propósito da 30ª edição da BTL, a responsável adianta que, este ano “não é um festejo dos 30 anos”. E, assim sendo, é “uma abordagem aos próximos 30 anos”, conclui.