A “mais ambiciosa” programação de Réveillon da Soltrópico traz charter para São Tomé

A “mais ambiciosa” programação de Réveillon da Soltrópico traz charter para São Tomé

A Soltrópico organizou o Roadshow Happy Neon Year, em Lisboa e Porto, para dar a conhecer aquela que Fernando Bandrés, diretor operacional da Soltrópico, considera ser a “programação mais ambiciosa”, a nível de capacidade e destinos, de Réveillon do operador turístico. O evento serviu ainda para agradecer e reconhecer o apoio prestado pelos agentes de viagens e parceiros ao longo do verão.

A “grande novidade” e “principal aposta” da Soltrópico, para o Réveillon, é o primeiro charter de um “destino clássico” do operador: São Tomé e Principe. Pela 1.ª vez o destino conta com uma programação charter, voo direto de Lisboa (SATA), entre 26 de dezembro e 2 de janeiro, a partir de 1268€.

Em Cabo Verde, existem operações para a Ilha do Sal (de Lisboa e Porto, desde 1309€) e Boavista (de Lisboa, desde 987€) entre 26 de dezembro e 2 de janeiro. Há também um short break para Marraquexe (desde 497€), entre 29 de dezembro e 1 de janeiro, com partidas de Lisboa e Porto, e a possibilidade de ficar uma noite no deserto de Agafay.

No Brasil, a Soltrópico opera no Fim de Ano para Salvador com um pacote de 8 noites (desde 1979€) e nos Emirados, para o Dubai (desde 1239€), com a possibilidade de glamping no deserto.

Já em território nacional, a Soltrópico recupera a “operação charter a partir de Lisboa para o Funchal (Madeira)”, de 29 de dezembro a 2 de janeiro (desde 647€). Nos Açores (desde 343€), o operador aumentou a capacidade com partidas de Lisboa e Porto, voos SATA e TAP, e aposta no Fly & Drive.

Rita Inácio