Açores regista forte aumento de procura dos portugueses no verão

Açores regista forte aumento de procura dos portugueses no verão

Segundo a HomeAway, empresa de arrendamento de alojamentos para férias online, 92% dos portugueses optaram por gozar as férias de verão em Portugal. Apesar da região do Algarve continuar a ser a preferida, os Açores registaram uma forte procura este ano (+160% face ao período homólogo de 2014). A procura nacional aumentou 26% em relação ao verão de 2014 e a região Norte apresenta o maior crescimento no continente (+46%) subindo para o terceiro lugar no ranking, retirando do top 3 o Alentejo.

Esta tendência é igualmente constatável de fora para dentro, refere a HomeAway. De ano para ano Portugal apresenta-se cada vez mais como um destino de rápido crescimento junto dos europeus, principalmente dos franceses (crescimento de +24% de reservas). O Algarve continua a ser a região mais popular entre os europeus que protagonizam um aumento da procura de +17% (+28% no que diz respeito aos franceses), mas destaca-se um crescimento importante da região Norte (+37% por parte dos franceses vs +30% por parte dos europeus). Ingleses, Alemães, Espanhóis (apesar da procura dos nossos “vizinhos” ter decrescido este ano) e Italianos compõem o restante top 5 de nacionalidades que escolheram Portugal como destino preferido para as férias de verão. Ao todo registou-se um crescimento de +15% nas reservas de estadias efetuadas por estrangeiros em Portugal, no portal HomeAway.

Em 2014 o número de turistas em Portugal já tinha aumentado 12,6%, ascendendo a um total de 15 milhões, com quase nove milhões de turistas a visitarem o país. Segundo o INE, a grande maioria veio do exterior, com quase nove milhões de turistas a visitarem o país.

“É notório que o turismo em Portugal continua a a crescer de forma exponencial. O aumento do número de alojamentos disponíveis para férias também contribui para a diversificação da oferta e para a valorização do destino Portugal na Europa, que alicia cada vez mais turistas nomeadamente grupos de amigos e famílias. A atração turística do país tem captado a atenção de turistas estrangeiros e nacionais”, adianta Sofia Dias, responsável HomeAway para o mercado português.

De acordo com uma análise feita ao portefólio de alojamentos HomeAway disponíveis a nível europeu, Portugal destaca-se como o país que mais aposta na disponibilização de casas kids friendly (68%) e com acesso à Internet gratuito (61%). Máquina de lavar (77%), Estacionamento (57%), Piscina (52%) e Barbecue (49%) são outras das quatro amenidades mais comuns nos alojamentos nacionais. Portugal é ainda o país líder a nível europeu no que diz respeito à oferta de casas com acesso para cadeiras de rodas (18% vs. 7% correspondentes à média europeia).

Outras razões que estão na origem deste crescimento são: os preços das estadias em Portugal, bem mais acessíveis do que em outros destinos turísticos europeus; o crescimento de rotas realizadas por companhias aéreas mais económicas que têm como destino Portugal; o custo de vida local mais baixo do que no norte da Europa; o clima e a já conhecida hospitalidade do povo português.

Nas idas para fora, Espanha foi o destino de eleição dos portugueses, essencialmente as regiões da Andaluzia, Galiza e Catalunha. Brasil, França e Itália completam o top 5 dos países que registaram um maior número de pedidos de reserva por parte dos portugueses.

O custo médio de arrendamento, por semana, rondou os 850 euros e a duração média das estadias em Portugal, tanto de portugueses como de estrangeiros, foi de 7 dias.