Agências excluem Hong Kong dos pacotes de viagens

Agências excluem Hong Kong dos pacotes de viagens

Categoria Business, Ot's Av's

Agências de viagens estão a excluir Hong Kong dos pacotes turísticos por causa dos protestos e os últimos números continuam a mostrar crescimento de turistas em Macau, disse ontem a responsável pela entidade que gere o setor no território, avançou a Lusa.

“Muitas agências de diferentes países, sobretudo daqueles que têm acesso direto a Macau, estão a fazer uma mudança nos seus pacotes para não incluírem Hong Kong”, afirmou a responsável da Direção dos Serviços de Turismo (DST) de Macau, Maria Helena de Senna Fernandes.

Hong Kong e Macau integram um pacote muito popular entre as agências de viagens chinesas, mas os protestos pró-democracia na ex-colónia britânica, desde junho, estão a obrigar a indústria a ajustar a oferta, explicou. A alteração contempla a inclusão de outras cidades chinesas vizinhas às duas regiões administrativas especiais, ou Macau como destino único, acrescentou Senna Fernandes.

“Estamos a ouvir as agências e guias turísticos” que organizam viagens de grupos turísticos, habitualmente oriundos da China, e “cujo trajeto é Hong Kong-Macau” e “estão a dizer que esta parte está a sofrer bastante impacto”, adiantou.

A diretora da DST, contudo, garantiu que os números até ao final de junho registam, no acumulado, um aumento de 20% no número de turistas. E que os dados preliminares de julho apontam para um aumento “ainda bastante forte”, superior a 10%.