As Escolhas de… Diogo Faro

As Escolhas de… Diogo Faro

Diogo Faro gosta mesmo é de viajar. Formado em Publicidade & Marketing, depois de algumas experiências a estudar e trabalhar no estrangeiro, trabalhou em várias agências como criativo. Certo dia, despediu-se do seu estável emprego para se tornar comediante, naquela que se tornou a melhor piada da sua carreira até agora. Entretanto, destacou-se nos seus espetáculos “Sensivelmente Idiota Talkshow ao Vivo”, em vídeos bem divertidos na internet e nas suas crónicas satíricas. É músico, sportinguista e ligeiramente misantropo mas, acima de tudo, é amigo do seu amigo e apaixonado pela vida. Neste momento, mesmo com milhões de projetos entre mãos, planeia já lançar mais 17 livros.

 

Herdade da Matinha

Herdade da Matinha

Melhor Hotel Português… Herdade da Matinha
Em plena Costa Alentejana, na aldeia do Cercal, a Herdade da Matinha estende-se por 110 hectares de montado de sobro e pinhal manso, onde foram recuperadas as Casas do Lavrador, a Vacaria e o Celeiro, que hoje dão alma às duas casas da herdade, a Casa de Cima e a Casa de Baixo.
Melhor Hotel no Estrangeiro… “Só fico em hostels”.

Melhor Restaurante Portugal… Cervejaria Ramiro

Na Avenida Almirante Reis, em Lisboa, a Cervejaria Ramiro já existe desde 1956 e hoje é uma cervejaria/marisqueira que, para além do marisco excelente, oferece aos clientes presunto e “pregos no pão”.

Cervejaria Ramiro

Cervejaria Ramiro

Melhor Restaurante Estrangeiro… Peacock, Udaipur
Na Índia, no Hotel Vishnu Priya, o restaurante Peacock oferece gastronomias de várias partes do mundo.

Um vinho que aconselhe… Duas Quintas
A Quinta da Ervamoira e a Quinta dos Bons Ares, ambas na região do Douro da Casa Ramos Pinto, deram origem ao vinho “Duas Quintas”, que junta as características do clima quente e seco de uma quinta com o terreno granítico de maior altitude da outra. O vinho daí resultante tem força e complexidade.

Livro a não perder… “1984”, de George Orwell.
Um romance clássico do autor britânico George Orwell, que ficou concluído em 1948 e foi publicado em 1949. O livro retrata o quotidiano de um regime político totalitário e repressivo e tornou-se famoso por demonstrar a fiscalização e controlo de um governo na vida dos cidadãos. É geralmente considerado como a magnum opus de Orwell.

Uma música que o tenha marcado… “Postcards From Italy”, de Beirut.

Odeceixe

Odeceixe

Um filme memorável… “Pequenas Mentiras Entre Amigos”
“Les Petits Mouchoirs” de Guillaume Canet e Gilles Lellouche, conta a história de um grupo de amigos que abandona a confusão da cidade de Paris para passar uns dias na casa de praia de Max e Véro Cantara (François Cluzet e Valérie Bonneton), num acontecimento que se transformou numa espécie de tradição por todos desejada.

Artista/compositor preferido… Chopin

Praia da sua eleição… Odeceixe
Em Aljezur, esta é a praia mais setentrional do Algarve, na foz do rio Seixe, composta por uma extensa língua de areia e protegida por altas falésias, sendo banhada, de um dos lados, pela Ribeira de Odeceixe e, do outro, pelo mar.

A melhor cidade do mundo… Lisboa.

A última viagem que fez… Índia.

A próxima viagem que fará… Cuba.

O que nunca se esquece de levar consigo quando viaja… Cubo de Rubik.