As escolhas de… Nelson Carvalheiro

As escolhas de… Nelson Carvalheiro

Nasceu numa pequena aldeia do Centro de Portugal o que lhe deu a oportunidade de valorizar a gastronomia e o vinho, razão pela qual iniciou o seu blog: para apresentar destinos através da comida e do vinho de uma maneira descomplicada e natural.

Em 2014 é declarado o Melhor Travel Blogger europeu e, um ano depois, o Melhor Travel Blogger do Mundo pela Fitur. Em parceria com a APTECE lançou o livro “Portuguese Travel Cookbook” que foi distinguido com dois prémios “World Gourmand Cookbook” em 2016 e 2017. Atualmente, Nelson vive em Berlim e dedica-se também a produzir vídeos de viagens que têm sido distinguidos em festivais de cinema de turismo. Aqui ficam as suas escolhas para a Ambitur…

Palácio Belmonte Hotel

Melhor Hotel em Portugal… “Palácio Belmonte, em Lisboa. Mesmo cinco anos depois de ter deixado a direção do Palácio Belmonte para começar o blog, continuo a listar este hotel como o melhor em Portugal. É um hotel privado, com uma filosofia de luxo pela simplicidade, assente em séculos de história portuguesa, e com a melhor localização de Lisboa”.

Melhor Hotel no Estrangeiro… ” O Post Ranch inn, em Big Sur, na Califórnia. Acordar numa Casa de Madeira à beira de um precipício sobre o Pacífico e ver uma tempestade a aproximar-se é algo que nunca mais me esqueci”.

Melhor Restaurante em Portugal… “Café Correia, em Vila do Bispo. É importante para mim visitar e apoiar sítios que não sucumbem à pressão da revolução culinária em Portugal. Provem o guisado de camarão e depois vão perceber”.

Melhor Restaurante no Estrangeiro… “Ristorante Milano, em Verbania, nas margens Italianas do Lago Maggiore. O local onde vamos todos os anos, vamos de barco para o Almoço de Páscoa”.

Um filme memorável… “«Os Imortais» de António Pedro Vasconcelos. Devo ter visto o filme mais de 100 vezes e sempre me faz sentir vontade de ter nascido 10 anos mais cedo para ter vivido em consciência no Portugal dos anos 80 que o filme caracteriza tão bem”.

Uma música que o tenha marcado… “A «Aum Namah Shivaya Mantra» e as memórias de visitar Varanasi na Índia”.

Um livro a não perder… “«Genesis» de Sebastião Salgado. Uma bíblia da fotografia de viagem”.

Um vinho… “Vinho da Talha da Adega Velha em Mourão, bebido na companhia do Eng.º Joaquim Bação, enquanto comemos cozido de grão”.

Artista ou compositor preferido… “«Washed Out», melodias sintéticas perfeitas para viagens”.

A praia da sua eleição… “Praia do Osso da Baleia. Uma das últimas praias selvagens de Portugal”.

A melhor cidade do mundo… ” Berlim, a cidade onde vivo. Livre, verde, multicultural, jovem”.

A última viagem… “10 dias a filmar pelo Ribatejo para um trabalho para o Turismo do Alentejo”.

A próxima viagem… “Um mês de viagem a filmar pelos Açores para um filme para o Turismo dos Açores”.

O que nunca se esquece de levar consigo quando viaja… “Saudades do meu filho e da minha mulher”.

Este artigo foi publicado na edição 312 da Ambitur.