ATA propõe alternativa à ITB com ação para o mercado alemão

ATA propõe alternativa à ITB com ação para o mercado alemão

Categoria Advisor, Associativismo

Com o objetivo de atenuar, de alguma forma, o impacto causado nas empresas turísticas da região pelo cancelamento da participação do destino numa das mais importantes feiras de turismo mundiais – a ITB Berlim -, que este ano não se realizou devido à pandemia, a Associação Turismo do Algarve (ATA) organizou uma ação especial exclusivamente direcionada para o mercado alemão e para as empresas que tinham sido inscritas no evento por esta agência regional de promoção turística.

Em parceria com o grupo FVW Medien, a editora líder de publicações na área das viagens na Alemanha, a ATA está a promover, de 25 a 30 de setembro, uma fam trip e um workshop, que conta com a participação de 16 agentes de viagens desse mercado e de dois representantes do referido grupo editorial.

Este workshop será uma oportunidade para os empresários da região, associados da ATA, contactarem diretamente com os agentes de viagens convidados e apresentarem a sua oferta, à semelhança do que aconteceria durante a ITB. Durante esta iniciativa serão ainda debatidas temáticas diversas como “Algarve – um destino de férias para todo o ano”, “Argumentos de venda e razões para reservar o Algarve” ou “O Algarve em tempos de Covid19 /Clean & Safe”, constituindo esta uma oportunidade estratégica para o destino se promover junto de profissionais do setor representantes daquele que é o segundo maior mercado emissor de turistas para a região.

Os agentes convidados para esta ação tiveram ainda a oportunidade de realizar uma fam trip e de visitar alguns dos principais pontos de interesse turístico do Algarve, com o objetivo de conhecer o destino através dos seus próprios olhos e de viver um conjunto de experiências distintas na primeira pessoa. O programa incluiu igualmente um encontro com o Embaixador da Alemanha em Portugal, que partilhou com os presentes um discurso sobre a segurança do destino, ao qual se juntaram o Cônsul alemão no Algarve e dois representantes da Câmara do Comércio Luso Alemã.

“Este tipo de ações diretas têm um impacto muito interessante, na medida em que nos permite apresentar a estes profissionais, de uma forma pessoal e in loco, uma perspetiva abrangente sobre a diversidade da oferta que o Algarve reúne e disponibiliza aos seus visitantes, ao longo de todo o ano”, explica João Fernandes, presidente do Turismo do Algarve. “Enquanto não for possível retomar a participação nos grandes eventos da indústria do turismo, teremos que encontrar alternativas estratégicas que permitam às nossas empresas do setor continuarem a fazer os seus negócios, a fortalecer as suas relações com os principais agentes e operadores desta indústria e a promover-se junto dos vários mercados internacionais”, refere.

No ano passado, o Algarve recebeu a visita de cerca de 360 mil hóspedes provenientes da Alemanha, o que se traduziu em aproximadamente 1,9 milhão de dormidas, um valor correspondente a um crescimento de 15% entre 2014 e 2019.