Coimbra vai ser palco do próximo encontro da ECTAA em 2017

Categoria Business, Ot's Av's

A ECTAA – Confederação Europeia das Associações de Agências de Viagens e Operadores Turísticos Europeus confirmou na sua 114ª reunião semianual, que teve lugar em Tunes, na Tunísia, que o Centro de Portugal será palco do próximo encontro ECTAA. Assim, nos dias 31 de maio, 1 e 2 de junho de 2017, Coimbra receberá os membros associados da ECTAA, representantes de mais de 30 países emissores e mais de 80.000 agências de viagens.

Este é um dos resultados da escolha do Centro de Portugal como “Destino Preferido 2017 da ECTAA”, um protocolo assinado em junho passado, também em Coimbra, entre a TCP – Entidade Regional do Turismo Centro de Portugal e a ECTAA, fruto de um processo de cooperação entre a TCP e a APAVT – Associação Portuguesa das Agências de Viagem e Turismo, liderada por Pedro Costa Ferreira.

De acordo com Michel de Blust, secretário-geral da ECTAA, a partir de janeiro de 2017, todos os membros da ECTAA começarão a receber material promocional, newsletters, informação e comunicações regulares sobre o Centro de Portugal. Também o selo “Turismo Centro de Portugal – ECTAA Preferred Destination 2017” constará do website, de todas as comunicações escritas e eletrónicas, press releases eletrónicas, relatórios e apresentações públicas da ECTAA. Serão também facilitados contatos entre a Turismo do Centro e as instituições da União Europeia.

Marike Hallik, presidente da ECTAA, destacou perante os membros da Assembleia Geral presentes em Tunes, que para além deste trabalho de divulgação e de promoção do Centro de Portugal, será importante todo o conjunto de atividades que possam ajudar a alavancar a sua promoção, destacando a importância de se aproveitar de “forma enérgica as sinergias criadas e que resultarão desta parceria”, nomeadamente, com a “dinamização de atividades em todo o território de abrangência desta confederação”.

Pedro Machado, presidente da Turismo do Centro, esteve presente nesta reunião, a convite da ECTAA, para fazer uma primeira apresentação do Centro de Portugal junto dos associados. Destacou na sua intervenção alguns dos principais e diferenciadores ativos turísticos da região, bem como, alguns dos seus projetos mais relevantes.

Houve também momento para a apresentação oficial do filme “Preferred Destination ECTAA 2017 – Turismo Centro de Portugal”, que alcançou o prémio de melhor filme turístico nacional, no Festival Art&Tur 2016. Nas suas palavras “este é um momento de enorme importância para o Centro Portugal, dado que, por um lado, ajuda de forma substancial a nossa estratégia de internacionalização, e por outro lado, contribui para reforçar a atratividade do Centro de Portugal junto do mercado nacional e a aumentá-la no mercado internacional.”

Pedro Machado destacou também que “os grandes fatores de competitividade do nosso país e da nossa região são a constante e permanente procura da excelência e do profissionalismo, aliada à genuinidade do nosso país e dos portugueses, alicerçada num conjunto de recursos e novas infraestruturas, tais como, centros de congressos e unidades hoteleiras.

No âmbito deste protocolo, e para além de presença assegurada nas reuniões bianuais da ECTAA, o Centro de Portugal tem acesso privilegiado junto das instituições europeias e das associações de agentes de viagens e operadores turísticos de 27 Estados-membro da UE, de 2 países candidatos à adesão à UE, bem como da Suíça e da Noruega, e ainda, de 3 membros internacionais, num conjunto de mais de 80.000 intervenientes.

No caso da Federação Tunisina de Agências de Viagens (FTAV), esta foi a primeira associação comercial de turismo não europeu a estrear-se enquanto membro da ECTAA, em 2015.