Cuba: Da colonial Trinidad à pérola do Sul que é Cienfuegos

Cuba: Da colonial Trinidad à pérola do Sul que é Cienfuegos

Depois dos ritmos quentes de Havana e do paraíso natural de Las Terrazas, prosseguimos viagem até à colonial Trinidad e à “Pérola do Sul” de Cuba, Cienfuegos. 

Trinidad é o expoente máximo de um recuo no tempo, quando se viaja para Cuba, uma pequena povoação que dos tempos coloniais mantém as ruas empedradas, as casas coloridas com “grades” nas janelas e as gentes simples que por ali passeiam de carroça.

A sul da província de Sancti Spíritus, no centro do país, encontra-se Trinidad que, fundada em 1514, se esforça por conservar todo o património e arquitetura da época com a ajuda da comunidade. É por isso conhecida pela Cidade Museu das Caraíbas e distinguida como Património Cultural da Humanidade pela UNESCO.

 

Uma tarde deve chegar para percorrer os principais pontos da pequena povoação, cujo nome serve de homenagem à sua padroeira, a Nossa Senhora de Santíssima Trinidad, e que evoca o “Pai, Filho e Espírito Santo. Todos os caminhos vão dar à Praça Maior, que ilustra muitos postais de Cuba. Poderá dizer-se que a Praça Maior é mesmo o “coração” de Trinidad com a torre da Igreja de São Francisco de Assis onde subindo tem-se vista para a Serra do Escambray, e que hoje serve de museu da história da cidade.

Obra de Yudit

Mas não só da tradição vive Trinidad, que também “respira” arte. Tivemos a oportunidade de visitar a galeria, que também é a sua casa, da artista plástica Yudit Vidal Faife. Uma casa típica de dois andares, com cozinha, casa-de-banho, quarto e até um terraço porque Yudit procura, mesmo, dar a conhecer a quem a visita “a sua vida íntima”, para compreendermos melhor a sua obra que retrata Cuba e as mulheres cubanas. A artista preparou, inclusive, o projeto “Habana es un nombre de mujer” pelos 500 anos da capital com a ajuda de moradoras de Trinidad.

Para terminar o nosso passeio, nada melhor do que seguir até ao La Canchánchara para experimentar uma versão de daiquiri com rum, sumo de limão e mel, servido num pequeno copo de madeira em forma de barril, que se bebe muito nas zonas mais rurais de Cuba.

Cienfuegos, La Perla del Sur 

A cerca de 80 quilómetros de Trinidad, seguimos em direção àquela que se considera ser a “Pérola do Sul” de Cuba, a cidade de Cienfuegos. À beira da baía de Jagua, com um porto ideal para as atividades náuticas, Cienfuegos foi fundada, em 1819, pelos franceses pelo que as suas casas mantém um estilo senhorial e harmonioso.

No centro histórico da cidade, encontra-se o Parque Martí e o Ayuntamento, edifício do Governador inspirado no Capitólio de Havana. Há também o bonito Teatro Terry, a Casa da Cultura e diversos museus. À noite, os bares do centro da cidade enchem-se de música ao vivo e muita dança.

Rita Inácio, a convite da Oficina de Turismo de Cuba