Cushman & Wakefield prevê mais 15 mil novos quartos até 2021 em Portugal

Cushman & Wakefield prevê mais 15 mil novos quartos até 2021 em Portugal

A consultora imobiliária Cushman & Wakefield afirma, na sua mais recente edição do Marketbeat Portugal Outono 2019, que estão neste momento em fase de projeto e/ou construção mais 15 mil novos quartos hoteleiros, com abertura prevista até 2021. Esta oferta irá concentrar-se maioritariamente nas áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto. O relatório indica que, desde o início deste ano, inauguraram em Portugal mais de 40 hotéis, trazendo ao mercado cerca de três mil quartos.

Lisboa apresenta cerca de 250 unidades hoteleiras com mais de 23 mil quartos, com predominância para os hotéis de quatro estrelas. Já Cascais conta com mais de 40 unidades e quatro mil quartos. Os bons resultados operacionais destes dois destinos – Lisboa com uma taxa de ocupação total a rondar os 77% e Cascais com uma taxa de ocupação média próxima dos 60% – levam ao crescimento da oferta e, segundo a Cushman, nos primeiros seis meses do ano, abriram na cidade de Lisboa seis novos hotéis com um total de 350 quartos. A perspetiva de abertura até 2020 é de mais 42 hotéis e 3.500 quartos.

Por sua vez no Porto, que conta hoje com 105 unidades e um total de 7.400 quartos, a consultora também estima um “crescimento acentado da oferta futura”, calculando que até 2020 inaugurem mais 23 hotéis e 2.200 quartos.

 

 

Foto: The Noble House