Hotelaria portuguesa apresenta-se com “nova roupagem” em 2016

Hotelaria portuguesa apresenta-se com “nova roupagem” em 2016

Categoria Alojamento, Business

 

Depois dos chamados “anos de crise”, tudo aponta para que 2015 seja o ano em que mais unidades hoteleiras abrirão em Portugal. No entanto, e não estivéssemos nós a falar de um sector “resiliente”, 2016 terá também uma palavra a dizer na “história” da hotelaria nacional com a apresentação de significativas remodelações em várias unidades hoteleiras da “velha guarda”.

Começaram, na maioria, este ano, e prevê-se que estejam concluídas em 2016. São mais de duas dúzias as unidades que estão a sofrer remodelações para, no próximo ano, se apresentarem ao mercado com uma nova roupagem. Pertencem a grupos sonantes da hotelaria nacional e estão espalhadas de norte a sul de Portugal. Lisboa, Faro, Cascais, Porto ou Alcácer do Sal são apenas alguns dos destinos que, em 2016, contarão com uma ou mais unidades renovadas.

O desafio é comum. Colocarem-se à altura da concorrência das novas unidades que todos os meses abrem em Portugal e conseguirem convencer os novos viajantes de que, aliada à experiência dos muitos anos de serviço ao cliente, está também uma melhoria e actualização de serviços. A renovação dos quartos e zonas públicas e o reforço da rede wireless são as principais preocupações das unidades com que a Ambitur falou e que estão ou irão estar, brevemente, a sofrer remodelações.

Leia mais na edição 282 da Ambitur…