ITB Berlin: Portugal é “um destino muito popular entre os alemães”

ITB Berlin: Portugal é “um destino muito popular entre os alemães”

A capital alemã volta a receber, de 6 a 10 de março, na Messe Berlin, a maior feira de turismo do país e uma das maiores do mundo, a ITB Berlin. A Ambitur conversou com David Ruetz, Head of ITB Berlin, que nos desvendou mais sobre o evento e sobre a importância do mercado português.

A edição anterior da ITB foi “um grande sucesso” pelo que a organização está confiante em relação a este ano: “Esperamos cerca de 110.000 visitantes e dar as boas-vindas a expositores de um total de 180 países”. O país parceiro é a Malásia que, nas palavras de David Ruetz, “está a organizar um grande espetáculo e um programa colorido”.

O evento de 2019 será palco do lançamento do segmento Tecnologia, Tours e Atividades (TTA) que “está a crescer”. Outras tendências que vão estar em destaque são o Turismo de Aventura e o Turismo Sustentável, além de na ITB Berlin Convention, que muda de localização para o CityCube, se discutirem temas como o excesso de turismo, o turismo de luxo, as novas expectativas do cliente, o aquecimento global ou a mobilidade futura.

No último dia, 10 de março, haverá um espetáculo de encerramento que “os visitantes não podem dar-se ao luxo de perder” com vários países e regiões a apresentarem os seus destaques culturais, incluindo o país parceiro para 2020, que será Omã, da Arábia Saudita.

“Se saborear a atmosfera dos expositores internacionais não for suficiente, os visitantes com apetite por viagens não devem perder o nosso gigantesco sorteio da ITB”, com ótimos prémios, convida o responsável.
Espaço dos expositores portugueses aumenta 10%

São mais de 100 expositores de Portugal a participar na ITB 2019, a maior parte representada pelo Turismo de Portugal, sendo que o espaço ocupado pelos expositores portugueses aumentou 10% em relação a 2018.
Para David Ruetz, o mercado português é muito importante na medida em que Portugal é “um destino muito popular entre alemães e europeus em geral” durante todo o ano, ao contrário de muitos países do sul da Europa que estão mais aptos a receber turistas apenas no verão.

“Portugal é um país muito diversificado, que tem estilo e oferece grande hospitalidade”, reflete o Head of ITB Berlin. Lisboa e Porto são “cidades fascinantes” e o Algarve “um destino litoral impressionante”.
David Ruetz defende também que Portugal deve apostar na promoção da Estrada Nacional 2 (EN2) – a sua “Rota 66” – pois é “um verdadeiro destaque para os turistas que querem explorar o país num carro alugado”.

Este artigo foi publicado na edição 318 da Ambitur