Lisboa é a 2.ª cidade do mundo mais requisitada para congressos internacionais

Lisboa é a 2.ª cidade do mundo mais requisitada para congressos internacionais

Categoria Advisor, Associativismo

Lisboa conquistou o 2.º lugar do ranking mundial da ICCA (International Congress & Convention Association) que anualmente classifica as cidades de todo o Mundo em termos de realização de congressos associativos internacionais. Em 2019, Lisboa teve uma subida surpreendente passando a uma posição nunca antes alcançada.

Com 187 eventos considerados pela ICCA, Lisboa ultrapassou destinos como Berlim, Viena, Singapura ou Madrid, num ranking liderado por Paris. A maioria realizou-se em instituições universitárias (mais de 70). Seguiram-se os hotéis (mais de 50), fundações e outras instituições culturais (cerca de 30) e o Centro de Congressos (mais de 20). Estes dados são indicativos da diversidade de opções que o destino tem para oferecer, para e com os quais o Turismo de Lisboa / Lisboa Convention Bureau trabalha no seu dia-a-dia.

A propósito desta distinção, Paula Oliveira, diretora-executiva da Associação Turismo de Lisboa, afirma que “esta conquista é resultado do sucesso da estratégia que implementámos ao longo dos anos. Este 2.º lugar vai reforçar a visibilidade internacional de Lisboa e não podia ter chegado em melhor altura para nos ajudar na retoma da atividade tão prejudicada pela crise da pandemia”.

Lisboa é o principal destino nacional no segmento do Turismo de Negócios, com condições particularmente vantajosas no que diz respeito relação qualidade/preço dos serviços turísticos e a experiência no acolhimento de eventos da mais diversa natureza.

Para que o continue a ser e para que este segmento continue a ser desenvolvido, durante e pós a retoma, é crucial que possam ser tomadas medidas que assegurem a competitividade do turismo da Região de Lisboa, um setor com elevado impacto socioeconómico. Seria importante, por exemplo, que o IVA deste produto turístico fosse dedutível, tal como já o é em Espanha.

Outra medida, igualmente importante para a competitividade da capital portuguesa a nível mundial, seria a possibilidade de alteração do atual regulamento do Programa de apoio à Captação e realização de Congressos, Eventos Corporativos e Associativos que, na sua matriz, discrimina Lisboa face a outros destinos nacionais. Lisboa tudo fará para se manter no top deste importante ranking mundial.