Malta distinguida como destino MICE internacional por excelência

Malta distinguida como destino MICE internacional por excelência

De acordo com o Governo de Malta, em 2018, o destino de Malta foi escolhido por mais de “180.000 pessoas em viagens de trabalho ou negócios, representando 6,9% do total de viajantes deste arquipélago do mediterrâneo”. Nos últimos anos, segundo o comunicado enviado pela entidade, “o número de profissionais a participar em congressos e reuniões de negócios tem vindo a aumentar exponencialmente, o que se traduz na afirmação de Malta como um destino MICE internacional por excelência”.

Em 2015, o Governo em conjunto com a Autoridade do Turismo de Malta, criaram a Conventions Malta, uma fundação que, tal como o nome sugere, promove a realização de congressos e convenções nas ilhas maltesas. Anteriormente referido como “Segmento de MICE”, este organismo dedica-se à organização, incentivo e promoção de Malta como destino ideal à realização de conferências e viagens de negócios no país. O papel das Convenções de Malta é o de promover Malta, Gozo & Comino como destino MICE, com foco na pesquisa e planeamento, marketing e promoção, desenvolvimento de produtos e garantia de qualidade.

Além de uma diversificada oferta de alojamento, Malta conta com vários edifícios históricos convertidos em locais únicos, indicados para a organização de todo o tipo de eventos empresariais. Outro fator a ter em conta é o clima mediterrâneo das ilhas, que permite a organização de alguns certames em locais ao ar livre como jardins, encostas, praias ou até mesmo em praças localizadas no centro das cidades. O fator clima também deve ser considerado uma vez que influencia as atividades paralelas que poderão ser organizadas como complemento a este tipo de encontros, como visitas a lugares históricos, museus e monumentos, passeios a cavalo e de bicicleta, e atividades relacionadas com o mar, que vão desde passeios de barco, a pesca tradicional ou até mesmo a jantares em iates de luxo.

A localização geográfica do país e o seu valor histórico, a experiência e profissionalismo de quem trabalha na área, o progresso tecnológico patente no arquipélago, aliados às inúmeras atrações associadas ao Turismo de Lazer, fazem de Malta uma “opção de primazia como destino de MICE”, refere o mesmo comunicado.