Miguel Frasquilho confirmado presidente da administração da TAP

Miguel Frasquilho confirmado presidente da administração da TAP

Categoria Business, Transportes

Miguel Frasquilho vai ser o novo presidente do Conselho de Administração da TAP, confirmou este sábado o jornal Expresso, que avança ainda o nome do advogado Lacerda Machado e da líder da Fundação Serralves, Ana Pinho, para vogais. O semanário refere também que, do lado dos privados, entra um representante dos chineses da HNA, que participa no consórcio Atlantic Gateway através da brasileira Azul e objetiva uma posição de 20% na TAP.

O nome de Miguel Frasquilho, ex-presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), era falado há alguns meses. Já em março, no aniversário da companhia aérea, a Lusa noticiou que o presidente executivo da TAP, Fernando Pinto, afirmou que esta escolha para presidir ao Conselho de Administração da TAP ainda não estava oficializada, mas garantiu que o responsável é “muito respeitado” pela atual equipa de gestão.

Este fim-de-semana, o Expresso cita o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, e confirma a escolha. O semanário refere também que o governante avançou os nomes do advogado Diogo Lacerda Machado e Ana Pinho, presidente do Conselho de Administração da Fundação Serralves e administradora da Oporto British School, para assumirem os cargos de vogais no conselho de administração da TAP.

O Expresso adianta ainda que a assembleia-geral (AG) extraordinária está marcada para 30 de junho, às 16:00.

A 30 de maio, Pedro Marques já tinha afirmado à Lusa que o Conselho de Administração da TAP terá seis elementos indicados pelo Estado, detentor de 50% do capital, e seis elementos escolhidos pelo consórcio Atlantic Gateway, dos empresários Humberto Pedrosa e David Neeleman, com uma participação de 45%, sendo que o presidente nomeado pelo Estado terá voto de qualidade.

Nova administração da TAP

O ex-secretário de Estado do Turismo e administrador do Grupo PortoBay Hotels & Resorts, Bernardo Trindade, a administradora da SAG Esmeralda Dourado e o antigo presidente da companhia aérea açoriana Sata, António Gomes de Menezes, serão os administradores não-executivos da TAP indicados pelo Estado.
A revelação foi feita este domingo, 11 de Junho, pelo comentador da SIC, Luís Marques Mendes, no seu habitual espaço de comentário semanal no Jornal da Noite.

Marques Mendes considerou que os nomes agora conhecidos denotam uma equipa “boa e equilibrada”, ao trazer gestores experientes, conhecedores de aviação, além de ter representadas as sensibilidades do Norte, do turismo e das Regiões Autónomas. A isto, diz, Frasquilho acrescenta a experiência do mundo financeiro e das exportações, sendo a TAP “a maior exportadora portuguesa”.

.