Mundet: Antiga fábrica de cortiça do Seixal dá lugar a hotel de quatro estrelas

by Rita Inácio | 14 Março 2019 14:46

O Seixal é o município convidado da 31.ª edição da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa e aproveitou a ocasião do certame para apresentar os seus projetos de investimento, nomeadamente o Hotel Mundet, que irá nascer no local onde em temos existiu a “maior fábrica de cortiça do mundo”.

A Fábrica da Mundet esteve em atividade entre 1905 e 1988. Até que, em 1996, a Câmara Municipal do Seixal a adquire em hasta pública tendo em vista a preservação desse património. A ideia sempre foi construir ali uma unidade hoteleira mas que tivesse uma forte ligação ao espaço onde se situou a fábrica.

Após outro processo de hasta pública, foi adjudicado em dezembro do ano passado o projeto do Hotel Mundet, subordinado ao tema da cortiça, que será o primeiro quatro estrelas da frente ribeirinha do Seixal. São 84 apartamentos e a sua cobertura contará com uma piscina, bar, solário e zona lounge, num investimento de mais de 7,5 milhões euros.

O presidente da Câmara Municipal do Seixal, Joaquim Santos, informou que neste momento está a decorrer um reforço de investimento no projeto e o próximo passo será proceder ao licenciamento da obra, que deverá arrancar este ano e que se espera concluída em 2021.

O próximo projeto a avançar é o Hotel e Porto de Recreio do Seixal, que deverá estar em hasta pública no segundo semestre deste ano. O autarca refere ainda outros projetos como o Hotel da Quinta da Trindade e o Eco Resort do Seixal, que ocupará cerca de 90 hectares e que terá de ter em conta a “sensibilidade ambiental” da área protegida.

Source URL: https://www.ambitur.pt/mundet-antiga-fabrica-de-cortica-do-seixal-da-lugar-a-hotel-de-quatro-estrelas/