OMT reconhece reinício seguro e responsável do turismo nas Ilhas Canárias

OMT reconhece reinício seguro e responsável do turismo nas Ilhas Canárias

Categoria Advisor, Associativismo

O secretário-Geral da Organização Mundial de Turismo (OMT) fez uma visita oficial às Ilhas Canárias para reconhecer a reabertura do destino e as medidas que as autoridades locais tomaram para manter a segurança de visitantes e trabalhadores ligados ao setor.

O responsável participou, juntamente com o Ministro da Indústria, Comércio e Turismo, Reyes Maroto, numa série de reuniões com líderes dos setores público e privado. A delegação da OMT reuniu-se com o presidente das Ilhas Canárias, Ángel Victor Torres, e com o Conselheiro de Turismo, Yaiza Castilla, assim como, com o delegado do Governo da Espanha nas Ilhas Canárias, Anselmo Pestana e o presidente do Conselho Insular de Gran Canaria, Antonio Morales.

Na sessão, Zurab Pololikashvili realçou que o “turismo é um dos setores económicos mais importantes para as Ilhas Canárias, fornece empregos e meios de subsistência e apoia muitas empresas locais. O reinício responsável do turismo permitirá retomar os muitos benefícios que o turismo oferece e a OMT aprecia as medidas que foram tomadas para gerar confiança no setor”.

Já a diretora regional da OMT para a Europa, Alessandra Priante, disse que a “saúde, segurança e estado dos sistemas de saúde são agora elementos-chave para todos os destinos. Isso deve se refletir nas estratégias de marketing e comunicação, tanto agora que o turismo está reiniciando quanto no futuro, à medida que o setor recupera. O turismo demonstrou capacidade de resistência e capacidade única de impulsionar a recuperação e o desenvolvimento das sociedades, e o fará novamente, e desta vez a sustentabilidade e a inovação devem estar na frente e no centro “.

Maximizar segurança

Juntamente com as reuniões com os líderes do setor público, a delegação da OMT também viu em primeira mão as medidas tomadas pelo setor privado para garantir o mais alto nível de saúde e segurança pública nos destinos turísticos.

Paralelamente, responsáveis da OMT visitaram cada uma das oito ilhas do arquipélago das Canárias para ver em primeira mão os protocolos de segurança estabelecidos para maximizar a segurança. Um grupo de até 60 jornalistas espanholas e internacionais também testemunhou atualizações de segurança em toda a cadeia de valor do turismo.