Opinião: “O triângulo da paridade: um objetivo tangível”

Opinião: “O triângulo da paridade: um objetivo tangível”

Por Diana Costa, Country Manager Portugal da Paraty Tech

A paridade é um termo muito presente na comercialização hoteleira e no revenue management. Entende-se por paridade, a igualdade de preços de um determinado hotel nos vários canais de venda.

Não duvidamos da sua importância para potenciar a venda direta e, agora que encontrámos uma fórmula para ter a paridade permanentemente sob controle, acreditamos que é um objetivo tangível. O nosso Triângulo da Paridade é um ecossistema de ferramentas completo, todas de desenvolvimento próprio, em permanente comunicação com o nosso motor de reservas.

Que ferramentas compõem o Triângulo da Paridade?
O Price Seeker é um dos Rate Shoppers mais consolidados do mercado, e o pilar central do Triângulo da Paridade. Capaz de monitorizar os preços de mais de 200 canais em tempo real, é responsável por extrair os dados e alimentar os seus dois aliados: Parity Maker e Rate Check.

O Parity Maker, ferramenta pioneira e ainda exclusiva, é um igualador de preços do website com as OTAs, em tempo real. Além disso, aplica uma regra de negócio previamente definida pelo hoteleiro. Ou seja, também é capaz de diminuir ou incrementar essa igualação, quer em termos percentuais (iguala e sobe 3%), quer em termos líquidos (iguala e baixa 5€).

O Rate Check é um comparador de preços com OTAs integrado dentro do processo de reservas. O widget mostra os preços das OTAs para a mesma pesquisa realizada pelo cliente no motor de reservas. Desta forma, evita abandonos para comparação de preços e transmite a mensagem de que o site oficial tem o melhor preço online.

Como funciona o Triângulo da Paridade?
O poder das regras de negócio reside na sua elevada capacidade de segmentação e configuração. Além das diretrizes oferecidas pelo rate shopper, dispomos de um Business Intelligence específico para nos manter informados sobre a atividade das ferramentas, face ao comportamento dos utilizadores. Com esta informação, poderemos tomar decisões para diferenciar as OTAs por mercados, fusos horários ou ocupações.

Assim, através das regras de negócio, definiremos, por um lado, quando devem entrar em ação as ferramentas e, por outro, que ordem devem executar.

Exemplo Nº 1, Parity Maker: se a Booking está mais barata, igualar o preço.

Exemplo Nº 2, Rate Check: se o cliente é espanhol, mostra-lhe Atrápalo e Destinia; se é inglês, mostra-lhe Alpharooms e Onthebeach.

Exemplo Nº 3, Parity Maker: durante o dia, iguala o preço com a Booking, durante a noite iguala o preço com a Expedia.

Além disso, o Rate Check tem também um sistema de alertas automatizados, pelo que, se não mostra o preço de uma determinada OTA por ser mais barato que o website, envia um email ao hoteleiro informando-o da disparidade para que a possa corrigir.

Resumindo, o Price Seeker é uma ferramenta de consulta e de controlo, utilizada pelo hotel para realizar uma monitorização exaustiva da paridade e da concorrência, originar relatórios, realizar pesquisas em tempo real e configurar alertas. Por sua vez, o Parity Maker e o Rate Check aparecem diretamente ao potencial cliente, fornecendo informação e apresentando o melhor preço durante o processo de reserva.

Ainda que as três ferramentas possam funcionar de forma completamente independente, cabe referir que a aplicação em conjunto multiplica a sua capacidade para fazer da paridade de preços uma realidade e favorece o incremento da venda direta.

Este artigo foi publicado na edição 335 da Ambitur.