Os novos hotéis que reforçam a oferta nacional

Os novos hotéis que reforçam a oferta nacional

Se há um setor que tem vindo a dar cartas na economia nacional é o turismo. E a acompanhar esta tendência positiva todos os anos nascem novos projetos de alojamento que não só aumentam a oferta do País como também a atualizam com novos conceitos e tendências. Ambitur falou com alguns grupos hoteleiros, que são prova deste dinamismo, investindo na abertura de novos hotéis até 2019.

Vila Galé Sintra

Um dos principais grupos a atuar no território português – que conta atualmente com 23 unidades em Portugal e outras sete no Brasil, num total de 6.735 quartos – é o exemplo desta dinâmica de investimento. Em maio a Vila Galé Hotéis abriu o Vila Galé Sintra – Resort Hotel, Conference & Revival Spa, a segunda unidade de cinco estrelas do grupo no país, num investimento de 25 milhões de euros que gerou cerca de 70 empregos diretos, e que é dirigida por Joaquim Fernandes. O hotel, localizado na Várzea de Sintra, conta com 136 quartos e suites, e apresenta ainda uma componente imobiliária composta por 48 apartamentos T2 e T3. Mais recentemente inaugurou o Vila Galé Collection Braga, o 30º hotel da marca que contará como Carlos Alves como diretor, num investimento de seis milhões de euros e criando 50 empregos. São 123 quartos e suites num edifício que resulta da reabilitação do completo do antigo hospital de São Marcos e cuja temática é inspirada na fundação de Portugal e na história dos arcebispos, explica Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador da Vila Galé Hotéis.

Vila Galé Touros

E, embora o próximo a abrir não seja em Portugal – Vila Galé Touros, no Rio Grande do Norte, perto de Natal (Brasil), com 514 quartos – a verdade é que o grupo prosseguirá com os investimentos por cá, dirigindo-se primeiro a Elvas, onde investe seis milhões de euros numa unidade com 80 quartos que resulta da reabilitação do antigo Convento de São Paulo, e que abrirá portas até maio de 2019; e depois ao vale glaciar do Zêzere, no município de Manteigas, onde nascerá o Vila Galé Serra da Estrela em novembro do próximo ano, fruto de um investimento de sete a oito milhões de euros e que disponibilizará 81 quartos, piscinas exterior e interior aquecidas, num cenário de montanha.

Altis Prata Suites

Outro grupo de peso pelos mais de 40 anos que dedica ao turismo é o Altis Hotels, que acaba de estrear um novo hotel em Lisboa, o Altis Prata Suites. Ainda no mês de julho abrirá a segunda fase do Altis Avenida. A unidade recém-inaugurada, situada na Rua da Prata, é a sexta do grupo e pretende posicionar-se como um hotel de apartamentos para famílias com “um serviço profissional mas muito descontraído, promovendo a proximidade com os hóspedes”, explica Diogo Fonseca e Silva, diretor de operações do Grupo Altis. O objetivo é atrair famílias e clientes que pretendam um apartamento com kitchenette mas com todos os serviços próprios de um hotel. Constituído por 22 unidades de alojamento, com tipologias T0, T1 e T2, o Altis Prata Suites representou um investimento de quatro milhões de euros e disponibiliza um “nível de equipamento muito bom, com colunas de som portáteis Marshall, máquinas Nespresso, máquinas de lavar e secar roupa, micro-ondas, frigoríficos, TV’s de 38″, wifi, secadores de cabelo de 2200W e cofres”, resume o responsável. A localização, em plena Baixa pombalina, é outro ponto forte.

Uma nova referência no Funchal

Savoy Palace

Uma marca também bem conhecida do turismo e da hotelaria é a Savoy Hotels & Resorts, hoje com cinco unidades na Madeira e a sexta em construção. Trata-se do Savoy Palace, o segundo cinco estrelas do grupo, que abrirá portas na primavera de 2019, no Funchal, resultando de um investimento de 130 milhões de euros. Conta-nos Ricardo Farinha, Chief Commercial Officer (CCO) do Grupo Savoy, que este é um hotel “luxuoso moderno que representa a ilha da Madeira nos seus diversos espaços”, isto porque “transporta as características únicas e os atributos da região para o seu interior, nomeadamente, a floresta Laurissilva e as grutas no Spa, o bordado da Madeira no lobby e nos quartos, o céu perfeito para avistar as estrelas no sky bar, o mar nas suas cinco piscinas”, entre outros atrativos. Este é, garante o responsável, “um local onde as pessoas vão sentir que estão mesmo na Madeira”.

O novo hotel terá 579 unidades de alojamento, das quais 353 para exploração hoteleira, além de um Spa de 2300 m2, cinco piscinas (incluindo duas infinitas no topo do edifício), cinco restaurantes e oito bares e salas de conferência com capacidade de até 800 pessoas. Este novo resort urbano pretende ser “uma referência europeia da hotelaria e um hotel líder na região e no país”, assume Ricardo Farinha.

O projeto de design de interiores conta com a assinatura de Nini Andrade de Silva e da RH + Arquitectos e o objetivo é que eleve os padrões do destino. Tudo para que, para além dos mercados tradicionais para esta região, se captem também novos turistas – dos EUA, Brasil e Rússia – e novos segmentos – upscale, MICE, entre outros.

Gestão de raiz
A Amazing Evolution, uma entidade de gestão e prestação de serviços de hotelaria criada em finais de 2012, vai assumir a gestão de um novo projeto de raiz, dos mesmos proprietários do 1908 Lisboa Hotel (também gerido pela Amazing desde raiz), mas desta vez na Ericeira, um investimento que ascendeu aos 10 milhões de euros. Trata-se do You and the Sea, uma “unidade com serviço de luxo mas vocacionada para férias em família ou em grupo”, explica Rita Pereira, Business & Development Manager da Amazing Evolution.

São 35 apartamentos com serviço de hotel e tipologias entre o estúdio e o T4,que abrem portas em julho deste ano. O hotel tem acesso direto à praia, contando ainda com piscina e o restaurante Jangada, cuja carta é assinada pelo chef Nuno Bandeira de Lima. Terá ainda uma ampla área de atividades a pensar nos mais pequenos.

Lançado com preços médio/noite entre os 155€ para os estúdios e os 450€ para o T4, a previsão da taxa de ocupação para o primeiro semestre de atividade, ou seja, entre julho e dezembro, ronda os 30%, adianta a responsável.

Unidades com histórias para viver
Regressando à capital, Lisboa contará com mais 438 novos quartos em cinco novas unidades do grupo My Story Hotels, a inaugurar entre 2018 e 2019. O investimento é de cerca de 65,7 milhões de euros (150 mil euros por quarto) em projetos que visam transformar edifícios tradicionais da cidade antiga em locais cheios de histórias.

O primeiro destes cinco já abriu portas no primeiro trimestre do ano. O My Story Hotel Tejo resulta da ampliação do antigo Hotel Lisboa Tejo, perto da Praça da Figueira. Elegância, conforto, modernidade e design são elementos que já fazem parte do conceito dos hotéis desta marca. Este particularmente data do século XIX (1861), tendo sido reabilitado em 1924 e, na década de 80, transformado para uso hoteleiro. Agora disponibiliza 132 quartos distribuídos por seis pisos e o restaurante buffet “O Poço” – em homenagem à localização no Poço do Borratem.

Mas a My Story Hotels não se fica por aqui e, ainda este ano, estão agendadas as aberturas da Praça da Figueira e da Rua Augusta. Em 2019, no primeiro semestre, será a vez de um segundo hotel na Rua do Ouro, que reforçará a presença da cadeia na Baixa de Lisboa, e ainda do novo Hotel Aeroporto Lisboa.

Nos My Story Hotels a história de cada edifício, a fazer sentir aos hóspedes que estão num local especial, é o fator comum de todas as unidades. Assim como a qualidade na aplicação de materiais e execução, conforto e atendimento personalizado e localização central, elementos que marcam a diferença.

QUEM É QUEM?

Diogo Fonseca e Silva
Formado em Gestão e Técnica Hoteleira pela Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, conta com uma Pós-graduação em Gestão Financeira, Gestão de Recursos Humanos, Marleting e Gestão de F&B pelo Centre International de Glion, e um MBA em Gestão de Empresas pelo INDEG/ISCTE. Diogo Fonseca e Silva é desde março de 2016 diretor de operações do Grupo Altis, tendo sido anteriormente diretor do Real Villa Itália Hotel & Spa, Bela Vista Hotel, Hotéis M’AR De Ar e Hotel Real Oeiras.

Joaquim Fernandes
É diretor-geral do novo Vila Galé Sintra, grupo para o qual trabalha desde 2006, tendo já passado pelo Vila Galé Santa Cruz, Vila Galé Coimbra e Vila Galé Porto, sempre como diretor-geral. Anteriormente foi ainda diretor-geral do Hotel Mercure Póvoa de Varzim, Ibis Coimbra e Ibis Évora. Joaquim Fernandes é formado em Gestão e Técnica Hoteleira pela Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, contando mais recentemente com um MBA pelo IPDT.

Rita Pereira
Desde 2014 que é responsável pela área de estratégia e business development da Amazing Evolution. Rita Pereira conta com 14 anos de experiência no turismo, passando pela consultoria no setor na Deloitte e pelo investimento institucional na Portugal Ventures. É licenciada em Economia pela Nova SBE e recentemente concluiu uma certificação em Hotel Real Estate Investments and Asset Management na Universidade de Cornell.

Ricardo Farinha
Desde julho de 2017 que Ricardo Farinha é CCO da Savoy Hotels & Resorts. Da experiência anterior, o profissional tornou-se um especialista em Financiamento de Projetos tendo trabalhado nas áreas da Energia, Petroquímica e Infraestruturas, sobretudo na América Latina mas também EUA e Canadá.

 

Carlos Alves
O atual diretor geral do Hotel Vila Galé Collection Braga está nesta cadeia nacional desde outubro de 1997, onde ingressou logo após terminar o bacharelato em Gestão de Marketing e Publicidade pelo ISCET. E na Vila Galé já assumiu as mais variadas funções, desde gestor de conta a chefe de vendas, diretor de Marketing ou diretor geral, passando pelas unidades de Cascais, Porto, Ericeira e Coimbra, bem como pelo Brasil, onde foi adjunto da direção de Operações entre 2014 e 2016.

ABERTURAS
My Story Hotel Tejo
Localização: Baixa de Lisboa
Abertura: 1º trimestre 2018
Nº quartos: 132 (Twin, Double, Single e Suites)
Infraestruturas de apoio e lazer: Restaurante Buffet “O Poço”, wi-fi gratuito

Vila Galé Sintra
Localização: Várzea de Sintra
Abertura: Maio 2018
Nº Quartos: 136 (77 standard, 44 familiares e 15 suites)
Infraestruturas de apoio e lazer: Restaurante “Versátil”, Restaurante “Inevitável”, piscinas exteriores, Revival Medical Spa,Spa Satsanga, ginásio, Salão de beleza, revival store, Clube Nep, horta pedagógica, biblioteca, Salão para eventos e três salas de reunião, wi-fi gratuito.

Vila Galé Braga

Localização: Braga
Abertura: Maio 2018
Nº quartos: 123 (15 suites, 10 superiores, 20 familiares e 78 standard)
Infraestruturas de apoio e lazer: piscinas exteriores, restaurante “Fundação”, restaurante “Bracara Augusta”, Bar “Euforia”, adega Santa Vitória, Clube Nep, jardins e claustro com esplanada e elevador panorâmico, sala inovação com filme de realidade virtual, wi-fi gratuito, Spa Satsanga com piscina interior, oito salas de reuniões/eventos.

 

 

Altis Prata Suites
Localização: Rua da Prata, Lisboa
Abertura: Junho 2018
Nº quartos: 22 (T0, T1 e T2)
Infraestruturas de apoio e lazer: wi-fi gratuito, apartamentos equipados com kitchenette, Lounge com terraço.

You & the Sea
Localização: Ericeira
Abertura: Julho 2018
Nº quartos: 35 (estúdio a T4)
Infraestruturas de apoio e lazer: piscina, restaurante “Jangada”, acesso direto à praia.

My Story Hotel Rua Augusta
Localização: Rua Augusta, Lisboa
Abertura: 1º semestre 2018
Nº quartos: 46

My Story Hotel Praça da Figueira
Localização: Praça da Figueira, Lisboa
Abertura: 2º semestre 2018
Nº quartos: 77

Hotel Rua Áurea
Localização: Rua do Ouro, Lisboa
Abertura: 1º semestre 2019
Nº quartos: 57

Hotel Aeroporto Lisboa
Localização: Aeroporto de Lisboa
Abertura: 2019
Nº quartos: 123

Savoy Palace
Localização: Funchal, Madeira
Abertura: primavera 2019
Nº quartos: 579 (353 para exploração hoteleira)
Infraestruturas de apoio e lazer: Spa, cinco piscinas, cinco restaurantes, oito bares, salas de conferência.

Vila Galé Elvas
Localização: Elvas
Abertura: abril/maio 2019
Nº quartos: 80
Infraestruturas de apoio e lazer: Spa Satsanga com piscina interior, salão de eventos, dois restaurantes, bar, adega, biblioteca, piscina exterior.

Vila Galé Serra da Estrela
Localização: Manteigas
Abertura: novembro 2019
Nº quartos: 81
Infraestruturas de apoio e lazer: piscinas exterior e interior aquecidas, restaurante, lobby bar, salão de eventos, estacionamento.

Inês Gromicho. Este artigo foi publicado na edição 312 da Ambitur .