Portugal continua a ser destino de férias mais procurado pelos portugueses

Portugal continua a ser destino de férias mais procurado pelos portugueses

Os portugueses voltaram a fazer férias fora da sua residência habitual, mas Portugal continua a ser o destino de eleição para quem faz uma pausa no trabalho. De acordo com o TGI, o estudo da Marktest que analisa o comportamento e os consumos dos portugueses, o número de pessoas que sai de casa durante as férias voltou a aumentar face aos números de 2013. Ainda assim, mais de 60% dos indivíduos continua a ir “para fora cá dentro”. Espanha é o segundo destino mais procurado com 19,3% dos portugueses a referirem terem gozado férias no país vizinho, logo seguido de França com menos de 10% das preferências nacionais.
Na hora de escolher o alojamento, o Hotel ou Aparthotel é quem ganha na escolha dos portugueses. Ao todo são mais de 40% os que optam por pagar estadia, logo seguido dos que preferem a casa dos familiares ou amigos para passar as férias. Só 19% optou por alugar casa ou pouco mais de 15% tem casa própria para o efeito.

A praia continua a ser o tipo de férias mais escolhido pelos portugueses, seguido das férias no estrangeiro que regista um aumento face aos números do ano passado. O mesmo acontece com as viagens de avião que num espaço de um ano vêem o seu número de passageiros aumentar em mais de 200.000. Ainda assim, na hora de escolher a companhia aérea, o preço do bilhete é o fator que mais pesa, embora o conforto e o serviço a bordo, assim como o horário dos voos, sejam também elementos importantes para os portugueses que viajam neste meio de transporte.

Para além do setor Férias e Viagens é possível com o estudo conhecer os interesses e motivações destes viajantes, o que procuram e o que influencia as suas decisões na escolha de um destino de férias. Com base num conjunto de mais de 350 statements, o TGI permite caracterizar o consumidor de acordo com os seus estilos de vida, valores e atitudes, dando a conhecer os seus interesses, comportamentos e motivações.