Primeiro Centro EUSOUDIGITAL já abriu na Escola de Turismo de Lamego

by Inês Gromicho | 2 Agosto 2021 12:26

Com o objetivo de promover a capacitação digital dos portugueses e, em particular, do setor turístico, foi sexta-feira, dia 30 de julho, formalizada a parceria entre o Turismo de Portugal, o Programa EUSOUDIGITAL e a Estrutura de Missão Portugal Digital, para abrir 13 Centros EUSOUDIGITAL, 12 dos quais nas suas escolas e um na sede em Lisboa, numa cerimónia em Lamego, com as presenças da secretária de Estado do Turismo, Rita Marques e do representante do secretário de Estado para a Transição Digital, João Farinha.

Especialmente focados na capacitação digital do setor do turismo, mas disponíveis para acolher toda comunidade, estes Centros funcionarão com recurso a uma Bolsa de Mentores constituída por alunos das Escolas e colaboradores do Turismo de Portugal.

Esta parceria prevê, ainda, a criação de novos Centros em Cafés históricos e Restaurantes das regiões onde estão localizados estes 13 espaços, promovendo a proximidade das comunidades locais.

Medida emblemática do Plano de Ação para a Transição Digital, o Programa EUSOUDIGITALtem o objetivo de promover a literacia digital de um milhão de adultos em Portugal, até ao final de 2023, através do desenvolvimento de uma rede de mais de 30.000 voluntários apoiados em mais de 1.500 espaços a nível nacional.

Destina-se a todos os portugueses que nunca usaram a internet que pretendam adquirir competências digitais básicas, essenciais ao dia-dia, permitindo uma melhor adaptação às novas realidades de emprego que dependam do acesso à internet, combater o isolamento através de ferramentas digitais de comunicação, assim como os aspetos essenciais da utilização da internet em segurança.

Qualquer adulto pode inscrever-se como Aluno e agendar a sua sessão de capacitação digital, onde irá aprender a pesquisar e navegar na internet, criar uma identidade digital, uma conta pessoal numa rede social ou usar o correio eletrónico, de forma simples e gratuita.

Municípios, Juntas de Freguesia, instituições de Ensino, associações, empresas e qualquer tipo de organizações privadas, também podem aderir ao Programa, disponibilizando os seus espaços para acolher um Centro EUSOUDIGITAL, numa rede de parceiros unidos com o mesmo propósito: levar a internet a mais de um milhão de adultos.

A revolução digital tem vindo a acontecer um pouco por todo o país e, graças ao investimento realizado nas redes móveis e em fibra ótica, Portugal tem hoje uma infraestrutura ímpar de comunicações digitais. Por outro lado, na última década podemos identificar uma vaga importante de digitalização da Administração Pública e da sua relação com os cidadãos e com as empresas, destacando-se iniciativas como as compras públicas eletrónicas, o e-Fatura, a Chave Móvel Digital, entre tantas outras que hoje são familiares aos portugueses, bem como uma revolução equivalente na relação entre as empresas e os consumidores.

A vida de grande parte dos portugueses é também já digital, sendo que pouco mais de 80% da população já está online, apesar de ainda muito aquém do potencial dessa presença. Segundo os dados do INE referentes a 2020, cerca de 18% dos portugueses nunca utilizou a internet, quando a média europeia é inferior a 10%, uma realidade que é urgente mudar, para o bem da presente e das futuras gerações, para o bem da sociedade e para o bem do país.

O Turismo de Portugal pretende, assim, reforçar o seu contributo para um país mais inclusivo, aberto e ligado ao mundo, o que passa, inevitavelmente, pela literacia digital e consequente transformação digital do tecido económico das empresas do turismo.

Source URL: https://www.ambitur.pt/primeiro-centro-eusoudigital-ja-abriu-na-escola-de-turismo-de-lamego/