RIU Hotels reabre 15 hotéis em Espanha

RIU Hotels reabre 15 hotéis em Espanha

Categoria Alojamento, Business

Depois da paragem turística internacional provocada pela Covid-19, a RIU Hotels retoma gradualmente a sua atividade, refere a cadeia hoteleira em comunicado. Em Espanha, o grupo programou a abertura de 15 hotéis em todos os destinos em que se encontra: Madrid, Maiorca, Formentera, Cádis, Málaga, Gran Canaria, Tenerife, Fuerteventura e Lanzarote. Segundo a cadeira hoteleira, as “aberturas ocorrerão entre segunda-feira, dia 15 de junho, e a primeira semana de julho”.

Os primeiros hotéis espanhóis a abrir foram os maiorquinos Riu Bravo e Riu Concordia, que se encontram na Playa de Palma, Maiorca. Nas Canárias, o primeiro a receber novamente os hóspedes é o Riu Gran Canaria, que se encontra no sul da ilha. Reabre no dia 19 de junho, data em que também o fazem dois dos seus hotéis da Andaluzia: o Riu Chiclana e o Riu Costa del Sol; assim como o hotel Riu La Mola que se encontra na Playa de Migjorn de Formentera.

No dia 26 de junho juntam-se os hotéis Riu Palace Meloneras e Riu Palace Tres Islas, que se encontram na Gran Canaria e Fuerteventura respetivamente; enquanto que no dia 1 de julho estão previstas as reaberturas do hotel Riu Calypso, também em Fuerteventura, e do Riu Paraiso Lanzarote. No dia seguinte, são retomadas as operações em Tenerife, com a abertura do Riu Palace Tenerife, e pouco depois também do Riu Palace Palmeras (Gran Canaria), Riu Arecas (Tenerife) e Riu Nautilus (Torremolinos).

Desta forma, a cadeia RIU volta a oferecer aos clientes nacionais e internacionais todos os seus destinos espanhóis com a abertura de pelo menos um hotel em cada um deles. Além disso, a cadeia retomou a atividade num total de mais 15 países, com hotéis já abertos ou prestes a abrir em: Alemanha, México, Estados Unidos, Bulgária, Portugal, Irlanda, Jamaica, Costa Rica, Aruba, República Dominicana, Baamas, Marrocos, Zanzibar e Sri Lanka.

Todos os hotéis que reabrem seguem estritamente os 17 protocolos de segurança incluídos no Manual RIU para o hotel Pós-Covid. Este guia criado pela cadeia em colaboração com a consultora Preverisk, oferece as máximas garantias de segurança e saúde possíveis para clientes e colaboradores.

Além disso, a RIU criou um programa de formação específica para que os seus colaboradores apliquem estes novos protocolos. As medidas são “meticulosas e estritas, a partir da limitação da ocupação dos hotéis em 50% ou 60%, salvo a regulamentação legal mais restritiva, para oferecer o máximo de tranquilidade e segurança aos utilizadores e funcionários, e começarão a ser mais flexíveis na medida em que as autoridades sanitárias estabeleçam novas normas”, sublinha a cadeira hoteleira.

Foto: Riu Palace Tres Islas, Fuerteventura