Six Senses poderá vir a desenvolver e gerir resort de luxo numa ilha do Tejo

Six Senses poderá vir a desenvolver e gerir resort de luxo numa ilha do Tejo

Categoria Alojamento, Business

“Ilha de Lisboa” é a designação do projeto que está a ser desenvolvido para o mouchão do Lombo do Tejo, uma das três ilhotas do estuário do rio Tejo, situado em frente a Alverca, numa propriedade com uma área de 900 hectares que foi adquirida em 2018, por 24 milhões de euros. Em declarações ao Expresso, Sidik Latif, promotor do projeto e emigrante português que regressa a Portugal após 30 anos de experiência na hotelaria, diz que o projeto de agroturismo de luxo prevê numa primeira fase 35 milhões de euros em investimento. O responsável, que vendeu dois hotéis no Brasil para ficar com 74% da propriedade, conta com outros dois sócios para o projeto. De acordo com o mesmo, a gestão do empreendimento e o seu desenvolvimento receberam já o interesse do Six Senses, o grupo tailandês de hotelaria de alto luxo recentemente comprado pela InterContinental. “O Ilha de Lisboa vai ser financiado, em parte, com capitais próprios. Estamos a negociar com o fundo soberano do Dubai, com um fundo de Inglaterra e com um grupo de investidores brasileiros”, adianta o responsável.

Foto INE