Tailândia lança visto especial destinado a receber visitantes de longa duração no país

Tailândia lança visto especial destinado a receber visitantes de longa duração no país

Categoria Destinos, Explore

O Governo Tailandês deu recentemente início à abertura gradual das fronteiras, através da criação de um visto destinado a receber os visitantes de longa duração no país. A entrada implicará, entre outros requisitos, o cumprimento de uma quarentena de 14 dias e a apresentação de uma apólice de seguro de saúde que cubra despesas médicas e de tratamento relacionadas com a Covid-19, para além de um Teste PCR negativo e uma declaração médica.

Esta medida de carácter excecional, aprovada pelo Ministério do Interior Tailandês como parte do plano para revitalizar a indústria do turismo, entrará em vigor em Portugal a partir do dia 15 de novembro, podendo os requerentes permanecer no país até 60 dias, sendo que cada entrada de 60 dias pode, posteriormente, ser prorrogada por mais 30 dias.

Todos aqueles que queiram solicitar este visto terão que cumprir alguns requisitos: estarão sujeitos à Quarentena Estadual Alternativa (ASQ) por um período de 14 dias, tendo de assumir os custos inerentes; terão que apresentar um extrato bancário local com saldo de pelo menos 14.000 euros por um período consecutivo de 6 meses e à apresentação de uma apólice de seguro de saúde que cubra despesas médicas e de tratamento em relação à Covid-19, com uma cobertura mínima de 100.000 USD (equivalente a 92.000 euros).

Adicionalmente, será solicitado um atestado médico Fit to Fly (em inglês), emitido por um médico português até 72 horas antes do voo para a Tailândia, para além de um Certificado Médico Covid-19 (em inglês), com resultado laboratorial indicando que a Covid-19 não foi detetada através do Teste PCR, emitido por médico português também nas 72 horas anteriores ao voo.

A partir de 15 de novembro, a Embaixada da Tailândia em Lisboa está disponível para emitir estes vistos a cidadãos portugueses e estrangeiros, desde que estes tenham o estatuto de residência legal em Portugal.

Recorde-se que, até à data, foram confirmados 3.852 casos de Covid-19 na Tailândia, dos quais 3.693 já se encontram recuperados, tendo o país registado 60 mortes. Fatores como o distanciamento social enraizado na cultura tailandesa, o uso precoce de máscaras individuais de proteção, a robustez do sistema de saúde da Tailândia, a influência da genética e o estilo de vida maioritariamente ao ar livre dos tailandeses têm sido apontados como decisivos para o controlo da pandemia neste país.