Tese de Doutoramento em Turismo de João Estevão da Lusófona vence concurso de teses académicas

Tese de Doutoramento em Turismo de João Estevão da Lusófona vence concurso de teses académicas

Categoria Advisor, Formação

A Tese de Doutoramento “Sistemas de gestão de destinos turísticos: contribuições para a sua adoção e implementação”, da autoria de João Vaz Estêvão, docente do Departamento de Turismo da Universidade Lusófona | Escola de Ciências Económicas e das Organizações, foi a vencedora da 5ª edição do Concurso de Teses Académicas realizadas em Portugal, por deliberação de um júri de académicos e decisores na área do turismo.

A tese teve como principais objetivos obter um conhecimento aprofundado sobre as características, papel e fatores de adoção dos Sistemas de Gestão de Destinos (SGD), no sentido de promover a implementação destes sistemas em destinos concretos. Para alcançar os objetivos estabelecidos, adotou-se uma metodologia mista, começando com uma extensiva revisão da literatura sobre SGD, entrevistas exploratórias às principais empresas fornecedoras de soluções de SGD e as Organizações de Gestão de Destinos (OGD) que implementaram estes sistemas com sucesso, bem como análises de conteúdo de SGD. Esta abordagem qualitativa permitiu um conhecimento mais aprofundado relativamente às características dos SGD, aos atuais modelos de negócios e de gestão destes sistemas, bem como aos seus recentes desenvolvimentos e perspetivas futuras. Seguidamente uma abordagem quantitativa foi utlizada para identificar os fatores que explicam a predisposição dos agentes turísticos de um destino para adotar um SGD, bem como os fatores que influenciam a importância atribuída por estes agentes às funcionalidades específicas dos SGD. Assim, um inquérito por questionário foi aplicado a diferentes tipos de agentes turísticos de um destino regional que não dispõe de um SGD: a região Centro de Portugal.

Esta é uma iniciativa da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal que também acaba por reconhecer a aposta da Universidade Lusófona no âmbito da investigação de excelência na área do turismo.