Turismo de Portugal apresenta estratégia do sector para 2015

Categoria Advisor, Home, Política

Afirmar o Turismo enquanto actividade económica líder, tendo em vista posicionar o sector na agenda das prioridades económicas e reforçando o papel de Portugal enquanto referência internacional neste domínio é um dos objectivos da estratégia do sector do turismo para 2015, que foi apresentada, na passada Sexta-feira, na Alfândega do Porto, no âmbito das comemorações oficiais do Dia Mundial do Turismo.A estratégia, que assenta em quatro pilares, pretende ainda estimular a procura turística para Portugal, afirmando o propósito do Destino de “receber bem todas as pessoas, de onde quer que venham”.& A estratégia de priorização dos meios online será reforçada, bem como acções que facilitem a venda como publicidade, apoio a rotas aéreas ou parcerias com operadores turísticos.O ano de 2015 marca também o início de um plano de acção para os agentes do sector, para vigorar até 2020, alinhado com o quadro comunitário de apoio, reforçando o financiamento disponível para as empresas por via de programas de apoio orientados para o empreendedorismo, inovação e competitividade das empresas.A qualificação dos recursos humanos do sector é o último pilar deste quadro de actuação, que privilegia o desenvolvimento de parcerias com instituições de ensino e formação. Segundo o Turismo de Portugal, o &objectivo é fomentar a investigação aplicada ao Turismo, alinhando a oferta formativa com a implementação de um novo modelo de gestão nas Escolas de Hotelaria e Turismo, orientado para internacionalização da rede&.Por fim, na base deste processo de transformação, o Turismo de Portugal fará uma aposta decisiva no conhecimento, na qualidade da informação estatística e nos serviços a prestar ao stakeholders no sector, afirmando-se como parceiro das empresas nas várias fases do ciclo de vida dos seus negócios.Para o presidente do Turismo de Portugal, João Cotrim de Figueiredo, os &bons resultados do Turismo não são sinónimos de que nada há a fazer. Pelo contrário: é nos momentos altos do ciclo que se devem criar as condições para que o crescimento possa ser duradouro e sustentado. É exactamente isso que a estratégia do Turismo de Portugal pretende conseguir.”O ministro da Economia, António Pires de Lima, o ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, Jorge Moreira da Silva, e o secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes foram algumas das personalidade presentes nas comemorações, reforçando o peso que o sector do Turismo tem para a economia nacional.&