Turismo de Portugal desafia portugueses a contribuírem com “um plano pelo Centro de Portugal”

O que segue não será um filme de publicidade tradicional. Quatro realizadores desafiam os portugueses a contribuírem com imagens para promover o Centro, a região afetada pelo maior incêndio de sempre em Portugal, dando-lhe visibilidade e atraindo as atenções para o que lá há de melhor. O upload das imagens para a campanha “Faça um Plano pelo Centro de Portugal”, promovida pelo Turismo de Portugal, poderá ser feito a partir de 1 de agosto no site http://ponhaportugalnomapa.pt.

Para o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, “a região antes e depois do acidente é a mesma”, referindo-se aos incêndios que assolaram parte daquele território como “um infortúnio”. Em vez de lhes dar voz, a iniciativa apela a que se dê imagem “àquilo que são as expetativas da região Centro”, prossegue, “olhando para o futuro”.

Esta campanha terá a curadoria de quatro realizadores, a quem cabe selecionarem os takes dos “operadores de câmara de telemóvel” que querem ver incluídos nos seus filmes. Diogo Morgado vai desafiar os portugueses a fazerem imagens para um filme sobre “Aventura”, Edgar Pêra vai trabalhar a “Criatividade”, a Pedro Varela cabe a “Herança”, enquanto que Ruben Alves espera ser surpreendido pelas melhores imagens da “Natureza” da região Centro.

A secretária de Estado do Turismo enaltece o conceito do projeto, por considerar que “retrata exatamente aquilo que o povo português fez no pós incêndio”, no município de Pedrogão Grande, destacando “a mobilização total das pessoas”, que querem ver replicada. “Visitar é ajudar, nesta fase”, entende, acrescentando que este momento de sensibilização pode  servir também para “redireccionarmos as nossas opções” de viagem.

Ana Mendes Godinho acredita que todos “se vão encantar” perante a região mais extensa do país, constituída por 100 municípios com uma oferta diversificada. “Isto é uma forma de nos mobilizar a descobrir, a perceber que somos úteis no desenvolvimento do interior e que podemos ser pessoas que fazem a diferença para aquela população”, acrescenta.

A versão final dos filmes será apresentada em outubro. Enquanto tal não acontece, o Turismo de Portugal anunciou que cada participante que vir o seu plano ser escolhido para os filmes irá receber 50 euros.

Esta iniciativa insere-se no âmbito da campanha “Ponha Portugal no seu Mapa” do Turismo de Portugal, em parceria com o Turismo Centro de Portugal, a Rede das Aldeias do Xisto, as autarquias regionais e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional.