Turismo Fundos lança 2.ª fase de Concursos de Estações Ferroviárias

Turismo Fundos lança 2.ª fase de Concursos de Estações Ferroviárias

Categoria Advisor, Política

No âmbito do Fundo Revive Natureza, são hoje lançados, pela TF Turismo Fundos – SGOIC, SA, 10 novos concursos para atribuição dos direitos de exploração, sobre imóveis do Domínio Público Ferroviário, relativos às seguintes 12 estações:

  • «Estação Freixo de Espada à Cinta», no distrito de Bragança e concelho de Freixo de Espada à Cinta
  • «Estação de Bruçó», no distrito de Bragança e concelho de Mogadouro
  • «Estação de Vilar do Rei», no distrito de Bragança e concelho de Mogadouro
  • «Estação de Mogadouro», no distrito de Bragança e concelho de Mogadouro
  • «Estação de Variz», no distrito Bragança e concelho de Mogadouro
  • «Estação de Urrós», no distrito de Bragança e concelho de Mogadouro
  • «Estação de Moncorvo», no distrito de Bragança e concelho de Torre de Moncorvo
  • «Estação do Carvalhal», no distrito de Bragança e concelho de Torre de Moncorvo
  • «Estação de Felgar e Estação de Fonte do Prado», no distrito de Bragança e concelho de Torre de Moncorvo
  • «Estação de Ganfei e Estação de Senhora da Cabeça», no distrito de Viana do Castelo e concelhos de Valença e Monção

Estas 12 antigas estações ferroviárias serão objeto de requalificação e valorização, promovendo o desenvolvimento regional e local, através de novas utilizações para fins turísticos, ficando sujeitas a várias regras de utilização e de gestão em rede, como o uso da marca Revive Natureza, o consumo de produtos locais, a sustentabilidade ambiental e a valorização do território.

Os interessados podem apresentar as suas candidaturas até ao próximo dia 21 de setembro de 2022.

Após a celebração do Protocolo de 29 de setembro de 2020, entre a IP Património e o Fundo Revive Natureza, foi assinado o Acordo Preparatório que regula a atribuição, pela IP Património ao Fundo Revive Natureza, dos poderes necessários para que seja possível lançar os concursos para a atribuição de direitos de subconcessão das estações de caminho de ferro com vista à sua requalificação e reabertura no contexto de atividades económicas relacionadas com o turismo.

A secretária de Estado do Turismo, do Comércio e Serviços, Rita Marques, destaca que “com estes 10 novos concursos, hoje apresentados em Valença, a Turismo Fundos já lançou, no âmbito do Fundo Revive Natureza, um total de 55 concursos, dos quais 39 respeitantes, essencialmente, a antigos postos fiscais e casas de guardas-florestais e 16 relativos a estações de caminho de ferro desativadas, revelando, assim, que este Fundo tem promovido a sua atividade de forma consistente, em resultado do interesse manifestado pelos privados». Rita Marques, acrescenta ainda que «o Revive Natureza permite que estas estações, que se encontram devolutas e inativas há décadas, ao serem requalificadas e promovidas de forma integrada na rede Revive Natureza para serviços de alojamento, restauração, equipamentos e atividades de animação e lazer, com características inovadoras e sustentáveis, irão contribuir para dar vida aos territórios, dinamizando as economias locais e regionais”.