Volta Int: “Estados Unidos proíbem voos de/para Turquia”

Volta Int: “Estados Unidos proíbem voos de/para Turquia”

Hosteltur – www.hosteltur.com

 

“Jogos Olímpicos são uma oportunidade perdida”
A menos de três semanas do Río de Janeiro receber 500.000 turistas estrangeiros no âmbito dos Jogos Olímpicos, o presidente da Câmara da cidade, Eduardo Paes, afirma que os meios de comunicação exgeraram nas informações que publicaram sobre este país, no entanto, reconhece que este evento desportivo não chega no melhor momento.”Com todas estas crises económicas e políticas, com todos estes escândalos, não é o melhor momento para estar nos olhos do mundo. Isto é mau”, afirmou o responsável numa entrevista ao The Guardian, acrescentando que “esta é uma oportunidade perdida”.
Panrotas – www.panrotas.com.br

“Delta reduz frequências para o Reino Unido”
A Delta vai diminuir o número de voos entre os Estados Unidos e o Reino Unido em 6% no próximo inverno. A companhia aérea informou que os cortes serão sazonais e que acontecerão a partir de novembro, já que se espera que menos britânicos passem as férias nos Estados Unidos, por conta da libra, que caiu 12% em relação ao dólar.

“Estados Unidos proíbem voos de/para Turquia”
Nenhuma empresa aérea, americana ou estrangeira, poderá operar voos dos Estados Unidos para a Turquia (e sentido inverso), mesmo com escalas noutro país, até segunda ordem. A Federal Aviation Administration fechou os céus entre os dois países devido à crise política e militar que se instalou com a tentativa de golpe na Turquia. Segundo informações da Embaixada Americana em Ancara, a capital turca, os cidadãos americanos estão desaconselhados a efetuar qualquer viagem para a Turquia. Tanto o aeroporto de Istambul quanto o de Ancara estão na lista de origens de voos proibidas para os EUA.
Preferente – www.preferente.com
“Queda da Lowcosttravel golpeia Hotelbeds”

A queda da Lowcosttravel deixou sequelas – em alguns caso feridas profundas – em várias empresas turísticas de Espanha, e não só às hoteleiras. Sites como a Hotelbeds ou Jumbobeds foram muito afetados, sendo o primeiro o mais prejudicado, com vários milhões de euros de dívidas.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Internacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.