Volta Int.: “Ryanair: o verdadeiro boom turístico arrancará em setembro”

Volta Int.: “Ryanair: o verdadeiro boom turístico arrancará em setembro”

Hosteltur 

“Geir Karlsen é o novo CEO da Norwegian”
Desde hoje que a companhia Norwegian Air Shuttle tem um novo CEO: Geir Karlsen, que até aqui era diretor financeiro (CFO), desde 2018. O responsável substitui Jacob Schram, CEO desde janeiro de 2020, que continuará na empresa até finais de março de 2022.

“World2Fly lança 55 mil lugares este ano para Cancun e Punta Cana”
A World2fly, a nova companhia aérea de longo curso da W2M, lançou mais de 55 mil lugares para voar até ao final do ano para os seus destinos nas Caraíbas: mais de 27 mil lugares para Punta Cana e mais de 28.500 para Cancun.

“Teletrabalho abre novas oportunidades para o turismo de negócios”
O teletrabalho pressupôs grandes mudanças na cultura organizacional das empresas e, embora possa parecer contraditório, também uma oportunidade para as viagens de negócio. Isso mesmo afirma Luca Carlucci, cofundador de BizAway, que diz que as empresas aumentaram as suas deslocações para organizar reuniões de equipa; equipas que antes trabalhavam no mesmo escritório e que agora o fazem de lugares diferentes. E assegurar que “as comunicações eletrónicas terão um papel destacado no dia a dia destas empresas mas a reunião física continua a ser necessária, pelo menos em determinados momentos do ano. É a nova tendência do smart working”.

Mercado & Eventos 

“Alemanha reabre fronteiras nesta sexta (26); brasileiros seguem de fora”
A Alemanha reabre suas fronteiras para turistas totalmente vacinados de vários países não pertencentes à União Europeia (UE) a partir da próxima sexta-feira (26), incluindo visitantes de Estados Unidos, Albânia, Macedônia do Norte, Sérvia, Líbano, Taiwan, Macau e Hong Kong. O Brasil, por sua vez, continua na lista de alto risco para o governo alemão, por conta das variantes da Covid-19. Sendo assim, segue proibida a entrada de brasileiros a lazer no país.

“Boeing realiza primeiro voo do B737-10 MAX”
O Boeing 737-10 MAX realizou seu primeiro voo nesta sexta-feira (18). A aeronave decolou do Renton Field em Renton, Washington, às 10h07 da manhã (horário local) e pousou 2 horas e 21 minutos mais tarde no Boeing Field, em Seattle. O voo de deu início a um programa de teste abrangente da maior variante da família. Boeing trabalhará em estreita colaboração com as agências reguladoras para certificar o avião antes de sua entrada em operação, prevista para 2023. “O 737-10 é uma parte importante dos planos de frota de nossos clientes, dando-lhes mais capacidade, maior eficiência de combustível e a melhor economia por assento do que qualquer outro avião de corredor único”, disse Stan Deal, presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes.

“WTTC divulga estudo focado na busca pela sustentabilidade no Turismo”
World Travel & Tourism Council (WTTC) e professores e cientistas de Harvard TH Chan School of Public Health lançaram quatro artigos de pesquisa para apoiar a busca pela sustentabilidade no setor de Viagens e Turismo. Os insights da pesquisa visam apoiar os tomadores de decisão a ampliar sua compreensão da sustentabilidade no que se refere às políticas e práticas do setor. O WTTC espera que esses insights ajudem a promover uma agenda sustentável para o sucesso do setor a longo prazo.

“Air France começa a utilizar Iata Travel Pass”
A Air France começou a testar o Iata Travel Pass em voos de Nova York e Barcelona para Paris. Com esse experimento, a aérea busca oferecer a seus clientes uma jornada melhor ao simplificar a checagem dos resultados de testes de Covid-19. O teste é gratuito e a adesão é voluntária, estando disponível aos clientes viajando com a Air France em voos de Nova York (JFK) para Paris (CDG) até 8 de julho, e de Barcelona (BCN) para Paris (CDG) até 30 de junho.

“Tailândia adianta reabertura das fronteiras para turistas vacinados”
A Tailândia planeja reabrir suas fronteiras aos turistas totalmente vacinados em meados de outubro. O primeiro-ministro Prayuth Chan-ocha disse que o governo só reconsideraria esta data se uma situação grave se desenvolvesse. Embora o país esteja lidando atualmente com um aumento nos casos da Covid, as vacinas estão a caminho. A retomada em meados de outubro é mais cedo do que o anunciado anteriormente (janeiro de 2022).

““Seria saudável para o Brasil”, diz presidente da Azul sobre possível compra da Latam”
Após o relatório do Bradesco BBI apontar como “muito provável” uma compra das operações da Latam Brasil pela Azul, cresceram especulações sobre concretização do negócio. Apesar de não revelar detalhes sobre as possíveis negociações, o presidente da Azul, John Rodgerson defendeu a realização de um movimento como este no mercado brasileiro. “Um movimento neste sentido seria bom para o País. Não posso falar de nada o que está acontecendo, mas quero abrir a mente de que isso seria saudável para o Brasil, para as conexões e para a indústria inteira. Ao invés de ter uma crise a cada dois ou três anos, o que todo mundo quer é empresas que lucrem, paguem muitos impostos, ajudem o país, contratem muita gente e que comprem aeronaves locais, como a Azul faz”, afirmou.

“CDC reduz nível de alerta contra Covid-19 para viagens de cruzeiro nos EUA”
O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos reduziu seu “nivel de alerta” para passageiros de navios de cruzeiro não vacinados do Nível 4 para o Nível 3. A mudança de “Nível 4: muito alto de Covid-19” para “Nível 3: alto de Covid-19” agora faz com que o CDC recomende apenas que os viajantes que estão completamente vacinados contra a Covid-19 evitem cruzeiros fluviais e oceânicos.

Panrotas

“Aviação nacional transportou 3,6 milhões de passageiros em maio; Azul liderou”
Dados apurados pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) mostram que, em maio, a demanda e a oferta de voos apresentaram retração em comparação com o mesmo período de 2019, de 43,4% e 43,7%, respetivamente. Em maio de 2021, foram transportados cerca de 3,6 milhões de passageiros no mercado doméstico, número 49% menor do que o registrado em 2019 – quando ainda não havia pandemia.

Preferente 

“Agências: dois anos no máximo para superar a crise”
O negócio das agências de viagens começa a reativar-se de forma gradual depois de um período aproximado de 400 dias com atividade nos mínimos, se não mesmo nula. Segundo o último relatório do Observatur, a maioria das empresas do setor assegura que já começou as reservas para este verão, embora apontem que ainda são poucas em comparação com as mesmas datas de há dois anos.

“Ryanair: o verdadeiro boom turístico arrancará em setembro”
O setor turístico está a aquecer os motores. Depois de 15 meses desastrosos, nas últimas semanas começa a observar-se uma reativação dos fluxos turísticos que convida ao otimismo. Contudo, atualmente predomina o turismo de proximidade e de segundas habitações, segmento que embora evolua positivamente, não é suficiente para sustentar a indústria turistica. A Ryanair prevê uma tendência crescente e uma reativação das viagens aéreas e do turismo já este verão. Mas prevê que teremos que esperar até setembro para observar “uma forte recuperação” dos fluxos turísticos.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Internacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.