Volta Nacional: “Disneylândia. O lado negro do parque de diversões mais famoso do mundo”

Volta Nacional: “Disneylândia. O lado negro do parque de diversões mais famoso do mundo”

Jornal i 

“Disneylândia. O lado negro do parque de diversões mais famoso do mundo”

Uma das herdeiras da fortuna do império Disney, Abigail Disney, esteve num dos parques temáticos da marca e ficou chocada com o que viu: empregados tristes, com salários miseráveis, revoltados com as políticas da empresa e do seu CEO, que recebe mais de 58 milhões de euros por ano. Ao site da Yahoo, Abigail explicou que decidiu ir a um dos parques Disneylândia depois de receber uma mensagem de um dos seus empregados, através do Facebook. (…) Quando chegou ao “sítio mais feliz do mundo”, como é descrito por muitos, percebeu que esse espírito não passava de uma fachada que está prestes a desmoronar-se — os trabalhadores estão cansados e cada vez mais revoltados com os salários pagos e as condições dadas aos funcionários.

“AHRESP contra diferença de tratamento na lei das beatas”

A presidente da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, Ana Jacinto, não concorda com a diferença de tratamento no que diz respeito à nova lei das beatas. No seu entender, a nova lei “devia ter sido feita de outra forma”, uma vez que vai ter “impactos e custos” para restaurantes e hotéis.

“SATA. Petição quer Comissão de Gestão”

Foi criada este sábado uma petição pública com o objetivo de criar uma Comissão de Gestão da transportadora aérea SATA. A petição pede à Assembleia Legislativa da Região dos Açores que dê instruções ao Governo Regional para que a comissão seja “criada dentro de um acordo alargado entre as principais forças políticas regionais com representação no parlamento regional”.

Jornal de Negócios

“Há mais portugueses que vão gastar menos nas férias”

A fatia de portugueses que pretende reduzir os gastos nas férias aumentou: este ano, quase um terço planeia um orçamento mais contido do que o dispensado no ano anterior. A conclusão é da sondagem realizada pela Aximage para o Negócios e o Correio da Manhã, cujas respostas foram recolhidas durante o mês de julho. Desde 2012 que a vontade de reduzir os custos com férias tem registado sucessivas quebras, com a ressalva de que não existem dados para os anos de 2010, 2011, 2014 e 2017. A mesma análise indica, contudo, que o número de portugueses que possui intenção de aumentar a despesa com as férias subiu de 17,6% para 18,4%.

“Ana Jacinto: Temos projetos que não abrem por falta de mão de obra”

A falta de mão de obra é o “problema número um” do setor. Ana Jacinto indica que há investimentos a adiar a abertura por falta de pessoal. A baixa atratividade do setor não se deve aos salários, defende, (…) mas sim a conciliação da vida familiar com a vida profissional.

Jornal de Notícias

“Venda de hospital e turismo salvam Ordem do Carmo”

Falar da Ordem Terceira do Carmo, localizada na Praça de Carlos Alberto, no Porto, traz logo à lembrança o antigo hospital com o mesmo nome. A Ordem existe desde 1736. O hospital começou a funcionar em 1801 e fechou em 2012. (…) As dívidas eram múltiplas e avultadas. (…) A venda de terrenos ao Grupo Quintas foi o balão de oxigénio. No lugar do antigo hospital surgirá um hotel de cinco estrelas, cujas obras ainda não começaram.

Correio da Manhã

“Egito. Voos reatados”

A Lufthansa retomou os voos para o Cairo após uma suspensão devida a um alerta de terrorismo. A British Airways mantém a suspensão por mais 6 dias.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.