Volta Nacional: “Estado terá 50% da TAP em dois meses”

Volta Nacional: “Estado terá 50% da TAP em dois meses”

Jornal de Negócios
“Estado terá 50% da TAP em dois meses”
O Governo prevê em meados de maio iniciar o fecho da operação acordada no ano passado com a Atlantic Gateway, de Humberto Pedrosa e David Neeleman, que vai permitir ao Estado ter 50% da TAP.

Diário de Notícias
“TAP: trabalhadores vão poder comprar as ações que quiserem”
O governo já deu luz verde à venda dos 5% de capital da TAP que se destinam aos trabalhadores. Ao todo vão ser disponibilizadas para venda 75 mil ações e cada trabalhador poderá comprar quantas quiser.

Jornal i
“Receitas turísticas batem recordes”
A receita do turismo continua a bater recordes e as expetativas é que a curva ascendente se mantenha ao longo deste ano. Em 2016, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística as dormidas em Portugal cresceram +9,6% face a 2015, atingindo um valor de 53,5 milhões.

Jornal de Notícias
“Mais turistas chineses no Porto”
O número de turistas chineses no Porto aumentou 19%, em 2016, em relação ao ano anterior. Segundo o Turismo de Portugal, foram cerca de 183 mil a visitar a Invicta, subida considerável quando comparado com os pouco mais de 76 mil registados em 2013.

Correio da Manhã
“Skate Park abre em V. N. STO. André”
Um skate park, com 2400 metros quadrados, é inaugurado sábado em Vila Nova de Santo André, Santiago do Cacém. A obra custou 140 mil euros.

“Filigrana quer ser património”
Os municípios de Gondomar e da Póvoa de Lanhoso assinaram ontem um protocolo que visa a promoção conjunta da filigrana a Património da Humanidade.

“Legalização na ilha da Culatra”
O Governo anunciou ontem a aprovação do Projeto de Intervenção e Requalificação da Culatra, em Faro. O documento abre a porta à atribuição de licenças para casas de pescadores e viveiristas por um período de 30 anos.

Público
“O Dakar está de regresso ao Peru”
A 40.ª edição do Rali Dakar arranca a 6 de janeiro de 2018, no Peru, território que a prova não visitava desde 2013, antes de entrar na Bolívia e cortar a meta na Argentina. O anúncio foi feito ontem pela organização da prova, que destacou as memórias positivas que o país deixou entre os participantes.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.