Volta Nacional: “Vila Galé estuda São Tomé”

Volta Nacional: “Vila Galé estuda São Tomé”

Vida Económica

“Porto e Matosinhos são capitais do surf até outubro”
A importância do surf do ponto de vista económico e turístico levou, mais uma vez, os municípios de Matosinhos e do Porto a unirem-se para organizar a 4ª edição do Wave Series, que arrancou nas praias de Matosinhos e do Porto, no passado fim-de-semana, com um calendário que engloba diversas provas ligadas ao surf que terão a Frente Atlântica como palco de eleição.

“Receita do IVA na restauração cresceu quase 15%”
A receita bruta do IVA da restauração alcançou os 238,1 milhões de euros, no segundo semestre de 2017, com um crecsimento homólogo de 14,8%, de acordo com o relatório do impacto da alteração da taxa do IVA no setor do alojamento. restauração e similares.

“Mercado da aviação reclama medidas das autoridades comunitárias”
Este ano arrisca-se a ser pior do que o anterior no que toca a atrasos. As principais companhias aéreas querem que as autoridades comunitárias assumam as suas responsabilidades, no sentido de atenuarem as ineficiências do espaço aéreo. No ano passado, estas terão resultado em custos superiores a 16,7 mil milhões de euros.

O Jornal Económico

“Nuvens negras pairam nos céus da Boeing após dois acidentes”
É uma conta ainda impossível de ser feita, mas já é uma ameaça: se a Boeing for obrigada a cancelar todas as encomendas que de repente entraram regime de stand by e a isso tiver de acrescentar indemnizações que os clientes ameaçam pedir, é bem possível que o maior fabricante de aviões do mundo (com receitas aimca dos 100 mil milhões de dólares em 2018) acabe por despenhar-se numa falência que afetaria em primeiro lugar os seus cerca de 153 mil empregados.

Jornal de Notícias

“Reino Unido pede para adiar o Brexit pelo menos três meses”
A Câmara dos Comuns mandatou ontem a primeira-ministra para pedir à UE o adiamento da saída do Reino Unido pelos menos até 30 de junho, mas que poderá ter de ser maior, se o Conselho Europeu do próximo dia 21 autorizar.

Jornal i

“Hotéis: em vez de 61 só abriram 26 no ano passado”
Afinal, só abriram 26 dos 61 hotéis que estavam previstos no ano passado. As contas são da diretora executiva da AHP, admitindo que existe uma “elevada taxa de mortalidade entre a previsão de novas unidades hoteleiras e o seu nascimento”.

“Embraer diz que crise não afeta fusão”
A empresa brasileira Embraer afirmou que a crise da Boeing, após a suspensão de voos com aviões 737 Max, não afeta o acordo de fusão entre as duas empresas aeronáuticas, já aprovado pelos acionistas.

“Alojamento local: mais de 10% vai voltar para arrendamento”
Entre 10% a 15% do alojamento local de Lisboa deve voltar este ano ao arrendamento tradicional. A garantia é dada pelo presidente da ALEP, que justifica esta tendência com o funcionamento do mercado. Afirma ainda que estes 10% a 15% apresentam um produto fraco, ou concluíram que dá muito trabalho, ou viram que afinal, não é a galinha dos ovos de ouro e, como tal, começam a ponderar.

Negócios

“Vila Galé estuda São Tomé”
A Vila Galé “vai analisar” o Programa Revive com São Tomé e Príncipe, o primeiro acordo internacional que Portugal assinou na quarta-feira, segundo Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador do grupo.”Vamos ver o que é que nos pode interessar”.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.