Volta Nacional: “Voos de Lisboa poderão ser desviados para Beja”

Volta Nacional: “Voos de Lisboa poderão ser desviados para Beja”

Vida Económica

“Programa Empresas Turismo 360º tem 54 empresas subscritoras”
O Programa Empresas Turismo 360º, lançado em novembro de 2021, conta já com 54 empresas subscritoras, que, no seu conjunto, representam cerca de 1,9 mil milhões de euros em termos de volume de negócios (cerca de 10% do total do setor) e 14.595 colaboradores, revelou a secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Rita Marques.

“Turismo deve crescer pela receita gerada”
Para Ramiro Gonçalves, secretário executivo da Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega, a expansão do turismo implica um trabalho colaborativo. Ao nível do alojamento, a capacidade de carga no território é maior do que a taxa de ocupação. Na atividade turística, o concelho de Chaves compete com outros territórios que são contíguos, pelo que a diferenciação assume especial importância. “Temos um elemento importantíssimo, que é a água e o bem-estar, numa perspetiva diferenciadora. O turista que estamos a atrair interessa-nos muito porque tem um poder de compra elevado.”

“Bruxelas autoriza reestruturação da SATA”

Jornal de Notícias

“Turismo no Minho precisa de gente qualificada”
O património, os recursos naturais e o vinho são pontos fortes do Minho como destino turístico, mas para se afimar no contexto nacional e internacional, a região precisa de mão de obra qualificada. Esta foi uma das conclusões de um estudo desenvolvido pela Universidade Católica de Braga que, ontem, foi palco de uma conferência internacional sobre a sustentabilidade do turismo na região.

“Voos de Lisboa poderão ser desviados para Beja”
A Assembleia Municipal de Lisboa recomendou à Câmara de Lisboa o desvio “temporário” de voos com destino ao Aeroporto Humberto delgado para o Aeroporto Internacional de Beja de forma a diminuir o “tráfego excedentário” que se tem registado no aeroporto da capital. Na proposta, assinada pelo deputado municipal do Aliança, Jorge Nuno de Sá, pode ler-se que está é “a única alternativa para evitar o colapso do acesso aéreo a Lisboa”, provocado pelo “crescimento acentuado da procura”.

Expresso

“Tempestade perfeita anunciada para o verão”
Com a retoma a galope, o caos tem tomado do setor da aviação, as companhias despediram em massa por causa da covid e agora não conseguem recrutar. As longas filas nos aeroportos têm sido notícia por todo o mundo, mais de 500 voos foram cancelados de e para o Reino Unido no passado fim de semana, e a presidente da TAP, embora não contabilize, reconheceu que nos últimos meses houve voos cancelados por falta de tripulantes e devido a questões técnicas.

“TAP está a contratar, mas não chega”
Há uma bomba-relógio prestes a explodir na TAP: a dificuldade em criar condições para ter a operação a funcionar no verão a 90% dos valores de 2019 com menos cerca de três mil trabalhadores do que nesse ano – e com uma grande parte destes ainda em part-time e a recusar-se a trabalhar em férias e folgas. É um grande desafio e a solução está longe de estar à vista a menos de um mês do início da temporada forte do verão.

“Nómadas digitais agitam imobiliário no Alto Minho”
Os concelhos do Alto Minho são cada vez mais procurados pelos nómadas digitais, muitos deles estrangeiros, que procuram uma casa localizada sobretudo nas zonas rurais mas onde exista uma boa cobertura de fibra ótica.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.