Quinta da Pacheca é a “vencedora absoluta” do Best of Wine Tourism 2020

Quinta da Pacheca é a “vencedora absoluta” do Best of Wine Tourism 2020

Categoria Business, Empresas

O complexo enoturístico da Quinta da Pacheca, em pleno Douro vinhateiro, é o vencedor absoluto português dos prémios “Best of Wine Tourism 2020”, uma competição a nível mundial promovida pela Rede de Capitais de Grandes Vinhedos – Great Wine Capitals Global Network.

O prémio foi atribuído pelo júri internacional, numa cerimónia que teve lugar na cidade francesa de Bordéus, seguindo-se agora a etapa da eleição do preferido do público, cuja votação termina a 21 de novembro. O júri, composto por delegados das cidades-membros — estando Portugal representado pela cidade do Porto –, selecionou a candidatura da Quinta da Pacheca de entre os distinguidos nas oito categorias em junho, que na altura tinham galardoado a Pacheca com o prémio maior na categoria de “Arquitectura e Paisagem”.

“Este é mais um reconhecimento que nos enche de orgulho e que valida a aposta feita de criar um destino enoturístico diferenciado na região do Douro”, sublinha Maria do Céu Gonçalves, co-proprietária da Quinta da Pacheca. O projeto enoturístico da empresa conheceu um impulso ainda maior em 2018, com a inauguração dos wine barrels, suites em forma de pipos gigantes, que são já um ex-libris na oferta de estadia na região.

Dentro de poucos meses, a Quinta da Pacheca estará equipada com uma nova ala do atual The Wine House Hotel, dotada de mais 24 quartos. Completarão a oferta um spa com tratamentos de vinoterapia, uma piscina exterior, um novo restaurante e uma nova sala de provas, com maior capacidade de lotação. “O Douro ainda tem muito para crescer na área do turismo, porque o potencial é enorme. E a Quinta da Pacheca está na linha da frente para liderar esse processo de crescimento”, considera Maria do Céu Gonçalves.

O “Best of Wine Tourism” já tinha atribuído à Quinta da Pacheca três outros prémios: em 2017 venceu na categoria de melhor “Restaurante Vínico”; em 2016 na categoria de “Experiências Inovadoras em Enoturismo” e em 2015 na categoria de “Alojamento”.