Casa da Urra: Um recanto cheio de encantos

Casa da Urra: Um recanto cheio de encantos

A Casa da Urra situa-se num aprazível monte alentejano e ondula por 180 hectares de vinhedos, sobrado e pastagens, junto à típica aldeia da Urra, com magnífica vista sobre a cidade de Portalegre e a Serra de São Mamede, no coração de uma região turística de excelência, cerca de Espanha.

Centrada na viticultura, a Casa da Urra estendeu-se ao Enoturismo e Agroturismo, área em que a “Booking” a distingue como “soberba”. Distinção que não surpreende os visitantes mais exigentes, ao oferecer estadias inesquecíveis e relaxantes em ambiente espaçoso, confortável, económico e seguro: as provas de vinhos, a piscina, o ginásio, o campo de ténis, o parque infantil, a biblioteca, a sala de reuniões, a sala de eventos, a vinha e a adega, os parques de merendas, a capoeira e a horta, bem como fruir de circuitos pedestres e de ciclismo são algumas das atividades disponíveis numa região também conhecida pela sua oferta gastronómica.

A Casa da Urra, onde a tradição e a modernidade, o passado e o futuro se fundem em suave harmonia, deslumbra ainda como mostra artística, etnográfica e museológica. Entre outras atrações, expõe uma coleção de 800 representativas peças, desde a Idade da Pedra até aos nossos dias, oriundas do território que hoje constitui Portugal e suas Ilhas Adjacentes. Imperdível, trata-se de uma mostra única e de que os portugueses se devem orgulhar, porque espelha bem o engenho e arte de quem, ao longo de mais de vinte mil anos de História, deixou marcas incomparáveis mesmo à escala planetária.

Como a designação “Casa” legalmente impõe, a Casa da Urra apenas pode utilizar uvas próprias na produção dos seus vinhos. Norteada pelos novos conceitos ecológicos, os seus vinhedos espraiam-se por 30 hectares de terrenos xistosos que beneficiam das brisas frescas que sopram das montanhas vizinhas. Existe aqui um microclima que permite produzir as melhores uvas do Alentejo: sejam brancas – Verdelho, Alvarinho, Arinto e Antão Vaz a que se junta um toque de Moscatel – ou tintas – Alicante Bouchet, Sirah, Trincadeira, Touriga Nacional, Alfrocheiro e Aragonez.

Autênticos vinhos de “boutique”, com assinatura, a moderna adega da Casa da Urra dispõe naturalmente da tecnologia mais avançada e é dirigida por Rui Reguinga, um enólogo com créditos firmados e que só por si garante condições para realizar todos os sonhos.

Colocado o “paraíso” como limite, a Casa da Urra é pois um espaço familiar que, fazendo jus à arte de bem receber do Alentejo, tem como ambição proporcionar as mais deliciosas recordações a quem saboreia os seus vinhos e a quem a visita.

 

Reservas: www.casadaurra.com/ 917614363/ [email protected]