Volta Int: “Lufthansa é a primeira companhia a vender voos no airbnb”

Volta Int: “Lufthansa é a primeira companhia a vender voos no airbnb”

Hosteltur – www.hosteltur.com
“Lufthansa é a primeira companhia que vende os seus voos no airbnb”
A alemã  Lufthansa converteu-se na primeira companhia aérea a oferecer os seus voos no portal de aluguer de apartamentos turísticos airbnb. A decisão da Lufthansa demonstra que a companhia vê aqui uma oportunidade de vender mais lugares, dada a popularidade do portal. A companhia oferece, neste portal, lugares na sua nova classe Economy Premium.
Panrotas – www.panrotas.com.br
“Heathrow (Londres) terá hotel junto ao Terminal 2”
O aeroporto de Heathrow, em Londres, terá o primeiro hotel construído na sua área central. O Grupo Arora anunciou a construção de um empreendimento com 298 quartos, diretamente conectado ao Terminal 2, permitindo aos hóspedes que já saiam na entrada para o embarque.

“Uber instala lounge no Aeroporto Santos Dumont”
A Uber disponibilizou esta semana um lounge para dar suporte ao alto fluxo de passageiros que chegará no Aeroporto Santos Dumont para os Jogos Olímpicos Rio 2016. O espaço está localizado no shopping Bossa Nova, que tem acesso pelo próprio aeroporto, e vai funcionar até o dia 20 de setembro, das 6h até 0h.

“Números do Turismo de Nice decresce após atentado”
Os estragos resultantes do atentado de 14 de julho em Nice, no Sul da França, ainda estão a aparecer. A quantidade de voos para a cidade, que já estava baixa devido a atentados anteriores no país, desceu após o episódio em que um homem atropelou dezenas de pessoas com um camião. De acordo com os últimos dados da Forward Keys, as reservas de voos diários para Nice caíram quase 60% em relação às reservas líquidas do mesmo período de 2015.

Mercado e Eventos – www.mercadoeeventos.com.br
“EasyJet abre 1.200 vagas de emprego para tripulantes de cabine”
Enquanto a taxa de desemprego no Brasil ultrapassa os 11%, no Reino Unido está na faixa dos 5,4%. E a easyJet quer diminuir ainda mais este índice, já que o iniciou o recrutamento de 1.200 profissionais para fazerem parte do “crescimento contínuo da companhia”. Entre contratos temporários e permanentes, a empresa britânica deve manter mais da metade dos novos tripulantes no próprio Reino Unido, como aconteceu com os mais de 250 pilotos que foram convocados no começo deste ano.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Internacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.