Volta Int: “Detidos os directores da Uber para França e Europa”

Volta Int: “Detidos os directores da Uber para França e Europa”

Hosteltur

“Detidos os directores da Uber para França e Europa”
Agentes da Policia Judicial francesa detiveram, ontem, de forma preventiva, dois directores da startup Uber, depois da polémica gerada à volta da aplicação uberPOP. Segundo os meios de comunicação local trata-se do director geral em França da Uber, Thibaut Simphal, e do director geral de Uber para a Europa, Pierre-Dimitri Gore-Coty.

“Walt Disney proíbe os paus de selfie em todos os seus parques”
A Walt Disney proibirá a partir de amanhã os paus de selfie nos parques temáticos que tem distribuídos por vários países, segundo informação da própria empresa. O porta-voz Kim Prunty afirma que os acessórios “se converteram numa crescente preocupação para a segurança  tanto dos visitantes como dos trabalhadores”.

 

Mercado e Eventos

“Pestana Hotel Group anuncia mudanças no departamento de marketing”
O Pestana Hotel Group anunciou que  o seu departamento de marketing foi extinto e deu lugar a um núcleo mais focado, com o nome de Direct Sales & Brand Reputation. A mudança ocorre após a rede hoteleira de Portugal ter lançado recentemente a sua nova identidade visual. No Brasil, o novo departamento é liderado pelo Gerente de Marketing, Pedro Botelho, que se reporta directamente ao headoffice em Portugal.

“Aeroporto de Londres/Heathrow aposenta Terminal 1 após 47 anos”
Uma história de amor, encontros, atrasos, despachos, cancelamentos, check-ins, embarques e desembarques acabou ontem. Falamos do Terminal 1 do Aeroporto de Londres/Heathrow, que fechou as suas portas após intensos 47 anos de operações. O terminal, construído em Abril de 1969, foi desactivado por completo ontem, após todas as aéreas completarem as suas respectivas mudanças para o Terminal 2.

“Lufthansa aposta no sucesso da Eurowings na Europa”
A Lufthansa afirmou que pretende utilizar a sua low-cost Eurowings como uma plataforma de consolidação no mercado da aviação na Europa, o que poderia também impulsionar outras participações que a Lufthansa possui no mercado de acções, como a Brussels Airlines e a Air Dolomiti. Até 2020, a companhia aérea anunciou que irá manter o seu orçamento de investimentos em 2,5 mil milhões de euros (2,8 bilhões dólares) por ano. O CEO da Lufthansa, Carsten Spohr, afirma que as companhias europeias precisam de se consolidar no mercado e que a companhia aérea alemã quer fazer parte desse processo e ver a subsidiária Eurowings consolidada na Europa. De facto, a Eurowings é uma resposta rápida às low-costs como a irlandesa Ryanair e a britânica easyJet, grandes líderes neste mercado.

 

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Internacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.